teses

Quadriênio 2021 - 2024

Total de teses defendidas: 34

TESES DEFENDIDAS EM 2023

Total de teses defendidas: 10

Alvaro Monteiro Carvalho

Título: “Sem vergonha é você que tá com ele até hoje”: a metapragmática do silêncio de casos de violência contra a mulher na cidade de valença/rj

Orientador(a): Prof. Doutora Daniel do
Nascimento e Silva

Páginas: 161

Resumo

Esta tese investiga questões relacionadas a discurso e violência contra a mulher
no município de Valença, cidade localizada na região sul do estado do Rio de
Janeiro, frequentemente referenciada como um lugar calmo e seguro. Meu foco,
nesta pesquisa, é compreender como percepções, orientações, perspectivações,
i.e., escalas (CARR & LEMPERT, 2016), sobre violência e gênero são produzidas,
buscando entender como os discursos circulam e interpelam as pessoas em suas
práticas cotidianas, produzindo um certo silêncio sobre esse problema social.
Para tanto, lancei-me à tarefa de realizar uma etnografia performativa (WAGNER,
2010), que contou com o processo de geração de dados a partir de entrevistas
com pessoas que residem e/ou trabalham em Valença. Em termos teóricos,
valho-me da ideia de linguagem como ação (AUSTIN, [1962] 1990); DERRIDA,
[1972] 1992; BUTLER, 1997), para pensar efeitos performativos no e pelo corpo e
de gênero como um projeto escalar situado (BUTLER, [1990] 2010). Os dados
sinalizam que há um conjunto de condições metapragmáticas, efeitos de escalas
heteropatriarcais, que produzem um silêncio sobre casos de violência contra a
mulher e, com efeito, a ideia de que Valença é um lugar seguro.

Palavras-chave: violência contra a mulher; discurso; escala; etnografia

Abstract 

This PhD dissertation investigates issues related to discourse and violence against
women in Valença, a city located in the southern region of the state of Rio de
Janeiro, often referred to as a calm and safe place. This research aims at
understanding how perceptions, orientations, perspectives, i.e., scales (CARR &
LEMPERT, 2016), about violence and gender are produced, seeking to
understand how discourses circulate and orient people in their daily practices,
producing a certain silence about this social problem. In order to do so, I have
committed myself to the task of carrying out a performative ethnography
(WAGNER, 2010), which included the process of generating data from interviews
with people who live and/or work in Valença. In theoretical terms, I am grounded in
the idea of language as social practice (AUSTIN, [1962] 1990); DERRIDA, [1972]
1992; BUTLER, 1997), to think about performative effects on and through the body
and of gender as a situated scalar project (BUTLER, [1990] 2010). The data
indicate that there is a set of metapragmatic conditions, effects of heteropatriarchal
scales, which produce silence about cases of violence against women and, as a
result, the idea that Valença is a safe place.

Keywords: violence against women; discourse; scale; ethnography

Clarissa Rodrigues Gonzalez

 Título:Fica espanhol em cartaz: ideologias e políticas educacionais linguísticas sob enfoque pragmático-semiótico

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Paulo Cortes Gago

Páginas: 216

Resumo

Esta tese tem como objetivo identificar para que sentidos e ideologias apontam signos presentes
em certos exemplares do gênero discursivo cartaz produzidos e/ou veiculados no Facebook
pelo movimento Fica Espanhol, surgido a reboque da promulgação da MP 746/2016, que
revoga a lei que tornava a língua espanhola componente curricular de oferta obrigatória. O
estudo, de caráter qualitativo, ancorado em pesquisa documental online, com enfoque
pragmático-semiótico, nos convida a olhar para aquilo que a Modernidade desprezava – a
linguagem em uso, o contexto, a conexão indexical – e para o modo como fazemos coisas com
palavras e imagens. Com base na teoria dos atos de fala de Austin (1962/1990), ensaio pensar
a imagem em termos performativos por entender que, enquanto composições semióticas,
constroem o que narram, projetam sentidos e forjam percepções (BUTLER, 2009/2010). Por
mais que efetue uma análise discursiva multimodal, não recorro às categorias analíticas de
Kress e Van Leeuwen (2001), mas me inspiro na semiótica de Peirce (1972, [1839-1914] 2005)
ao operacionalizar dois construtos teórico-analíticos que foram originalmente pensados para
análises que contemplassem signos linguísticos: indexicalidade (SILVERSTEIN, 2003) e
entextualização (BAUMAN; BRIGGS, 1990/2009; SILVERSTEIN; URBAN, 1996). Com
base nos dados gerados, identifico que o movimento Fica Espanhol, em sua luta pela
permanência da língua espanhola no sistema educativo, se vale de estratégias discursivas de
caráter interpelativo, justificativo, injuntivo e linguístico para angariar apoio à causa. O
movimento também aposta no poder das alianças (BUTLER, 2015/2018), recorrendo a
elementos materiais e imateriais (LATOUR, 2012) ao fomentá-las. Concluo que os cartazes
analisados ratificam a indissolubilidade da tríade prática-política-ideologia. Entendo que as
práticas discursivas, aqui compreendidas como sinônimo de ação semiótico-performativa, são
inevitavelmente políticas e ideologicamente orientadas. E, ademais, situam-se em um
determinado espaço-tempo, como os cartazes produzidos pelo movimento Fica Espanhol
atestam, narrando/fazendo h/História. Esse espaço-tempo, por sua vez, tem, na atual
conjuntura, outra tríade como pilar de sustentação: neoliberalismo-globalização-linguagem.
Por fim, atrevo-me a sugerir que o movimento, em meio a acertos e desacertos, talvez devesse
diversificar suas linhas de atuação, considerando outras alternativas que não se restrinjam à
luta pela curricularização do idioma.

Palavras-chave: Pragmática, Semiótica, Gêneros do discurso, Análise discursiva multimodal,
Fica Espanhol.

Abstract 

Esta tesis tiene como objetivo identificar para qué significados e ideologías apuntan los signos
presentes en ciertos ejemplares del género discursivo cartel producidos y/o difundidos en
Facebook por el movimiento Fica Espanhol (Quédate Español), surgido a raíz de la
promulgación de la Medida Provisional 746/2016, que deroga la ley que hizo del idioma
español un componente curricular obligatorio. Este estudio, de carácter cualitativo, anclado en
investigación documental online, con base en un enfoque pragmático-semiótico, nos invita a
mirar hacia aquello que la Modernidad despreció – el lenguaje en uso, el contexto, la conexión
indicial – y la forma en que hacemos cosas con las palabras e imágenes. Con base en la teoría
de los actos de habla de Austin (1962/1990), sugiero pensar la imagen en términos
performativos entendiendo que, como composiciones semióticas, construyen lo que narran,
proyectan significados y forjan percepciones (BUTLER, 2009/2010). Y aunque realizo un
análisis discursivo multimodal, no utilizo las categorías analíticas de Kress y Van Leeuwen
(2001), sino que me inspiro en la semiótica de Peirce (1972, [1839-1914] 2005) al operar con
dos instrumentos teórico-analíticos que fueron diseñados originalmente para análisis que
contemplan signos lingüísticos: indexicalidad (SILVERSTEIN, 2003) y entextualización
(BAUMAN; BRIGGS, 1990/2009; SILVERSTEIN; URBAN, 1996). A partir de los datos
generados identifico que el movimiento Fica Español, en su lucha por la permanencia de la
lengua española en el sistema educativo brasileño, utiliza estrategias discursivas basadas en
interpelación, justificación, instrucción y conocimiento lingüístico para recabar apoyos a la
causa. El movimiento también apuesta por el poder de las alianzas (BUTLER, 2015/2018),
utilizando elementos materiales e inmateriales (LATOUR, 2012) para incentivarlas. Concluyo
que los carteles analizados ratifican la inseparabilidad de la tríada práctica-política-ideología.

Entiendo que las prácticas discursivas, concebidas aquí como sinónimo de acción semiótico-
performativa, están inevitablemente orientadas política e ideológicamente. Y, además, se
ubican en un determinado espacio-tiempo, como atestiguan los carteles producidos por el
movimiento Fica Espanhol, narrando/haciendo h/Historia. Ese espacio-tiempo, a su vez, tiene,
en la coyuntura actual, otra tríada como pilar de sustentación: neoliberalismo-globalización-
lenguaje. Finalmente, me atrevo a sugerir que el movimiento, en medio a aciertos y desaciertos,
quizá debería diversificar sus líneas de acción, considerando otras alternativas que no se
restrinjan a la lucha por la curricularización del idioma.
Palabras clave: Pragmática, Semiótica, Géneros discursivos, Análisis discursivo multimodal,
Fica Espanhol.

Dora Moreira Barreto Cavalcante

Título: Canto de Espelho D’água nem Todo Silêncio Deve ser Quebrado

Orientador(a): Dra. Maria de Fátima Lima Santos (PIPGLA/UFRJ)

Coorientador(a): Professora Dra. Angela Aparecida Donini (PPGEAC/UNIRIO)

Resumo

CANTO DE ESPELHO D’ÁGUA – nem TODO SILÊNCIO DEVE SER QUEBRADO
é um trabalho que entramela com e pela linguagem escavações e movências de
racialização, cisgendrificação e afetos desde uma escuta autoficcional. Busca, de e por
dentro da língua do sertão do Ceará, dizeres que ressoam vivências singulares habitadas
por multidões e que possam deslocar a escuta, provocando a gente a apreender mundos
de novos e antigos jeitos. Assim, se alia a uma bibliografia dissidente movendo a língua
em escutas silenciosas e rasteiras, propondo uma disrupção na língua protuguesa ao
reparar em questões que atravessam as discussões da contra-colonialidade a partir dos
dizeres e nomes que as coisas têm nas línguas sertanejas e nordestinas.

Palavras-chave: língua, contra-colonialidade, sertão

ABSTRACT

WATER MIRROR’S CHANTING – not EVERY SILENCE MUST BE BROKEN is a work
that interweaves, with and through language, excavations and movements of racialization,
cisgendrification and affections from a self-fictional listening. It seeks, from and within the
language of the hinterland of Ceará, sayings that resonate unique experiences inhabited by
crowds and that can shift listening, provoking people to apprehend worlds in new and old
ways. Thus, it allies itself with a dissident bibliography moving the language in silent and
creeping listening, proposing a disruption in the Portuguese language by noticing issues that
cross the discussions of counter-coloniality from the sayings and names that things have in
the sertaneja and northeastern languages .

Keywords: tong, counter-coloniality, terrain

Eliane Mariano de Oliveira de Albuquerque

Título: Proposição de uma unidade didática para o ensino de tradução para língua 2 a partir de um corpus de traduções feitas por professores de inglês

Orientador(a): Prof.a Doutora Janine Pimentel

Páginas: 175

Resumo

Esta tese propõe uma unidade didática para o ensino de tradução para L2 com base em um
estudo da tradução do português para o inglês de um periódico publicado em uma academia
militar na cidade do Rio de Janeiro. A tradução do periódico foi realizada por professores de
inglês da própria instituição. No final do processo de tradução, observou-se que os textos-alvo
em inglês precisaram de um extenso trabalho de correção e revisão para que pudessem ser
publicados. Em face a essa problemática, esta pesquisa possui dois objetivos principais: (1)
identificar os fatores que geraram os problemas de tradução encontrados nos textos-alvo
traduzidos para o inglês, e (2) elaborar uma unidade didática para auxiliar os professores na
tradução dos artigos e em outras situações em que precisem lidar com questões de tradução. A
fundamentação teórica baseia-se no modelo de competência tradutória do grupo PACTE, em
pesquisas que utilizam esse referencial teórico (PACTE, 2017; CARRASCO FLORES, 2019;
POKORN et ali, 2019; PICCIONI e POTRANDOLFO, 2017), e em pesquisas sobre tradução
para L2 que buscam verificar o pressuposto da maior dificuldade em tradução nessa direção
(POKORN, 2005; PAVLOVIČ, 2007; FERREIRA, 2013; DUBĚDA, 2018; WHYATT, 2019;
HEEB, 2020). A metodologia de pesquisa consiste em uma análise do corpus paralelo composto
pelos textos-fonte em português e pelos textos-alvo em inglês. As ferramentas utilizadas para
análise compreendem um corpus de avaliação compilado para servir como referência na análise
dos problemas de tradução (BOWKER, 2000), um questionário sobre os procedimentos de
tradução empregados pelos professores, softwares para avaliar a complexidade e leiturabilidade
dos textos, e guias de estilo em língua inglesa. Na análise dos dados, verificou-se que o
problema mais recorrente foi a presença de sentenças longas e complexas replicadas dos textos-
fonte para os textos-alvo devido em parte ao uso inadequado da tradução automática. Esse
viii achado norteou a elaboração da unidade didática composta por tarefas voltadas para o
desenvolvimento de habilidades relativas às subcompetências instrumental, de conhecimentos
de tradução (PACTE 2017) e de conhecimentos teóricos e metateóricos de tradução
(GONÇALVES e ESQUEDA, 2020). A unidade didática segue uma a visão de aquisição da
competência tradutória segundo PACTE (2017), o ensino de tradução por objetivos (DELISLE,
1993; BEEBY, 1996/2017), e uma abordagem sócio-construtivista de ensino e aprendizagem
de tradução (KIRALY 2000/2013, HURTADO ALBIR, 2013). A metodologia de construção
da unidade didática fundamenta-se em uma abordagem de ensino por tarefas de tradução
proposta por Hurtado Albir (1999, 2005).

Palavras-chave: tradução para L2, unidade didática, competência tradutória, PACTE, análise de corpus.

Abstract 

This thesis proposes a translation teaching unit based on a study on the translation from
Portuguese to English of an academic journal published by a Brazilian military academy. The
academy asked in-house English teachers to translate the articles instead of professional
translators. At the end of the process, we observed that the target texts in English needed
extensive correction and revision work before they were published. Therefore, this research has
two primary aims: (1) to identify the causes of the translation problems found in the target texts
translated into English; and (2) to design a teaching unit to assist teachers in the project and in
other translation endeavors. This thesis is based on the PACTE translation competence model.
We also review research that draw on this paradigm (PACTE, 2017; CARRASCO FLORES,
2019; POKORN et al., 2019; PICCIONI and POTRANDOLFO, 2017), and studies that
examine the assumed higher level of difficulty in L2 translation (POKORN, 2005; PAVLOVIČ,
2007; FERREIRA, 2013; DUBĚDA, 2018; WHYATT, 2019; HEEB, 2020). The methodology
comprises the analysis of a parallel corpus of the source-texts in Portuguese and the target-texts
translated into English. The methodological tools encompass an evaluation corpus specially
compiled for this study (BOWKER, 2000), a questionnaire about the translation procedures
used in the translation of the articles, software to assess the complexity and readability of texts,
and style guides in English. We ascertained that the recurrent translation problem was long and
complex sentences replicated from the source-texts to the target-texts partially because of the
inappropriate use of machine translation. Following these findings, we designed a teaching unit
composed of tasks to develop skills related to the instrumental sub-competence, the knowledge
of translation sub-competence (PACTE 2017) and the theoretical and meta-theoretical
knowledge of translation sub-competence (GONÇALVES and ESQUEDA, 2020). The
pedagogical and methodological framework used in the design of the teaching unit relies on the
PACTE translation competence acquisition model (2017), socio-constructivist, student-
centered approaches to translation teaching and learning (DELISLE, 1993; BEEBY,
1996/2017; KIRALY 2000/2013; HURTADO ALBIR, 2013), and on a task-based teaching
approach to translation proposed by Hurtado Albir (1999, 2005). Although this investigation is
exploratory and limited by a small number of participants, we hope it may contribute to some
insight into L2 translation teaching in this linguistic pair.

Key words: L2 translation, teaching unit, translation competence, PACTE, corpus analysis.

Lívia Aparecida de Almeida e Sousa

Título: Escrevivência docente: intervenções formativas em um contexto de pós-formação militar na Universidade da Força Aérea

Orientador(a): Dra. Kátia Cristina do Amaral Tavares.

Páginas: 243

Resumo

Esta pesquisa, um estudo de caso de natureza etnográfica, tem um duplo objetivo ao escreviver
as Intervenções Formativas (ENGESTRÖM, 2016; LEMOS, 2022): de um lado, busco
identificar como a educação continuada a distância na Universidade da Força Aérea impacta
minha agência como docente; por outro, procuro compreender de que modo minha agência
potencializa a transformação do processo de formação militar nesse contexto. A perspectiva
teórica e metodológica é a Teoria da Atividade (ENGESTRÖN, 2016, 2002; LIBERALI, 2015),
em uma perspectiva sócio-histórico-cultural (VYGOTSKY, [1930] 2009; LEONTIEV, [1978]
2021; DUARTE, 2015; ENGESTRÖN, 2016; LIBERALI, 2015; STESENKO, 2020, 2021,
2022). O sistema de atividade em questão é a escrevivência composta pelas Intervenções
Formativas materializadas nos artigos publicados ao longo do doutoramento, a partir de uma
abordagem crítico-reflexiva (FREIRE, [1996] 2021; hooks, 2019, 2020; SANTOS, 2000,
[1987] 2010), tendo como lente metodológica e analítica as seguintes categorias: agência
(STETSENKO, 2021; KHAYYAT, 2016; KRAMER e ENGESTRÖM, 2019; SANNINO,
2020; LIBERALI, 2020); criticidade (FREIRE, [2000] 2021, [1967] 2022; hooks, 2020; TÍLIO
e SZUNDY, 2021; WALSH, 2009) e perejivanie (VYGOTSKY, [1934] 2001; LIBERALI e
FUGA, 2018; ROTH e JORNET, 2016; MIKHAILOV, 2001; JONES e MAGALHÃES, 2020;
MUÑOZ-SALINAS, 2022; STETSENKO, 2022). A pesquisa é construída na triangulação em
três perspectivas: autobiográfica (DELORY-MOMBERGER, 2012); Pesquisa Crítico-
Colaborativa (PCCol) (NININ e MAGALHÃES, 2017), com aspectos etnográficos
(CLIFFORD, 2016; CASTRO, 2021; LEIRNER, 1997, 2003); e estudo de caso (YIN, 2015).
A professora-pesquisadora intervém nos programas e nas políticas de EaD e, ao mesmo tempo,
narra, em primeira pessoa, o processo de transformação de sua própria agência (STETSENKO,
2021), por meio de escrevivências (EVARISTO, 2020). Na análise das intervenções formativas
– publicação de três artigos; participação em grupos de trabalho na elaboração de políticas
educacionais do campo; representações em apresentações on-line sobre o tema –, observa-se o
entrelaçamento duplo vínculo (individual e coletivo) nos sistemas de atividade em expansão, a
partir das contradições entre os sujeitos e o motivo (objeto). As regras de participação e a
divisão de trabalho foram reformuladas. Como resultado, a professora-pesquisadora
compreendeu novas formas de Intervenções Formativas, tomando as “gretas” (possibilidades
de transformação ora pelo coletivo ora pelo indivíduo) por instrumentos de mediação,
expandindo a rede e ressignificando o modo de ação no campo empírico. Assim, conceitos
como agência transgressiva e agência silenciada surgem nas narrativas, a partir da reflexão
sobre o processo de Intervenções Formativas. Como contribuição, a escrevivência, como uma
forma de escrita disruptiva de nós próprios, pode potencializar diálogos fecundos entre o meio
militar e o acadêmico, para discussões mais profundas relacionadas à formação do militar como
profissional mais crítico, consciente e humano.

Palavras-chave: Intervenção Formativa; Agência e transformação; Criticidade; Perejivanie;
Contexto Militar.

Abstract

This research, a case study of ethnographic nature, has a double objective when writing
Formative Interventions (ENGESTRÖM, 2016; LEMOS, 2022): on the one hand, I seek to
identify how distance continuing education at the Air Force University impacts my agency as
a teacher; on the other hand, I seek to understand how my agency enhances the transformation
of the military training process in this context. The theoretical and methodological perspective
is Activity Theory (ENGESTRÖN, 2016, 2002; LIBERALI, 2015), in a socio-historical-
cultural perspective (VYGOTSKY, [1930] 2009; LEONTIEV, [1978] 2021; DUARTE, 2015;
ENGESTRÖN, 2016; LIBERALI, 2015; STESENKO, 2020, 2021, 2022). The activity system
in question is the escrevivencia composed of the Formative Interventions materialized in the
articles published throughout the PhD, from a critical-reflexive approach (FREIRE, 1996]
2021; hooks, 2019, 2020; SANTOS, 2000, [1987] 2010), taking as methodological and
analytical lens the following categories: agency (STETSENKO, 2021; KHAYYAT, 2016;
KRAMER and ENGESTRÖM, 2019; SANNINO, 2020; LIBERALI, 2020); criticality
(FREIRE, [2000] 2021, [1967] 2022; hooks, 2020; TÍLIO and SZUNDY, 2021; WALSH,
2009) and perejivanie (VYGOTSKY, 1934; LIBERALI and FUGA, 2018; ROTH and
JORNET, 2016; MIKHAILOV, 2001; JONES and MAGALHÃES, 2020; MUÑOZ-SALINAS,
2022; STETSENKO, 2022). The research is built on triangulation in three perspectives:
autobiographical (DELORY-MOMBERGER, 2012); Critical-Collaborative Research (CCR)
(NININ and MAGALHÃES, 2017), with ethnographic aspects (CLIFFORD, 2016; CASTRO,
2021; LEIRNER, 1997, 2003); and case study (YIN, 2015). The teacher-researcher intervenes
in EaD programs and policies and, at the same time, narrates, in the first person, the process of
transformation of her own agency (STETSENKO, 2021), through escrevivências (EVARISTO,
2020). In the analysis of formative interventions – publication of three articles; participation in
working groups in the development of educational policies in the field; representations in online
presentations on the topic -, we observe the interweaving double bond (individual and
collective) in expanding activity systems, from the contradictions between the subjects and the
reason (object). The rules of participation and the division of labour were reformulated. As a
result, the teacher-researcher understood new forms of Formative Interventions, taking the
“cracks” (possibilities of transformation by the collective and the individual) for mediation
instruments, expanding the network and re-signifying the mode of action in the empirical field.
Thus, concepts such as transgressive agency and silenced agency emerge in the narratives, from
the reflection on the process of Formative Interventions. As a contribution, the writingvivencia,
as a form of disruptive writing of ourselves, can potentiate fruitful dialogues between the
military and the academic environment, for deeper discussions related to the formation of the
military as a more critical, conscious and human professional.

Keywords: Formative Intervention; Agency and transformation; Criticality; Perejivanie;
Military Context.

Mariana Nunes Monteiro

Título: Investigando ideologias sobre língua(gem) e ensino e aprendizagem de inglês em uma parceria do complexo de formação de professores da ufrj com a sme-rj: (re)pensando a formação de professores e a elaboração de materiais didáticos

Orientador(a): Prof. Dr. Rogério Casanovas Tilio

Páginas: 278

Resumo

A presente pesquisa se desenvolveu a partir de um contexto bastante único e frutífero
de interação entre escola básica e academia, no âmbito do Complexo de Formação de
Professores da UFRJ. Mais especificamente, ela se debruça sobre um Projeto de parceria
entre UFRJ e SME-RJ com vistas à elaboração de materiais didáticos de inglês e à formação
inicial e continuada de professores. Ocorrido no ano de 2019, esse Projeto, que visava a
elaboração de uma unidade didática por ano escolar (do 1o ao 6o ano) para ser utilizada no
primeiro semestre de 2020, culminou na produção de algumas versões construídas a partir de
diferentes ideologias sobre língua(gem) e ensino e aprendizagem de línguas adicionais. Além
disso, ele acabou estremecendo tanto a autoestima dos professores em relação ao seu papel
como autores de material como as relações entre os atores envolvidos: membros da equipe de
língua inglesa da SME, professores da rede, licenciandos da UFRJ e equipe da UFRJ
(professores e doutorandos). Instigou-me, então, criar inteligibilidades sobre essa política
pública complexa, refletindo sobre três aspectos principais: as ideologias sobre língua(gem) e
ensino e aprendizagem que embasaram não só a elaboração das diferentes versões, mas a
Parceria como um todo, e os entendimentos construídos ao longo da Parceria sobre os pares
“academia-escola” e “professores-material didático”. Com esse intuito, analisei as três
versões do material do 6o ano, ano coordenado por mim e pelo Prof. Dr. Rogério Tilio, e
realizei entrevistas semipadronizadas (FLICK, 2009) com atores envolvidos na política: duas
entrevistas do tipo grupo focal com professores e licenciados, e duas outras entrevistas
semipadronizadas, uma com a equipe de língua inglesa da SME, e outra com uma professora
da equipe da UFRJ. Para analisar os dados gerados, teci uma leitura interpretativista com base
em perspectivas Bakhtinianas, recorrendo aos seguintes pressupostos teórico-metodológicos:
alguns conceitos do Círculo de Bakhtin, como “relações dialógicas”, “gêneros discursivos”,
“autoria” e “ideologias”; a Pedagogia do Letramento Sociointeracional Crítico (TILIO,
2019a); os macrocritérios para análise de livros didáticos (TILIO, 2016); o modelo de
Matland (1995). Minhas análises apontaram para a predominância de ideologias sobre
língua(gem) e ensino e aprendizagem mais ligadas à perspectiva do objetivismo abstrato,
assim como para a necessidade de aproximarmos a área de ensino de línguas adicionais dos
estudos de políticas públicas e para a importância de estreitarmos os laços entre academia e
educação básica. Além disso, é possível destacar que este estudo ressalta o papel do professor
como autor de material, e a importância de se estudar sobre materiais didáticos no processo
de formação inicial e continuada.
Palavras-chave: políticas públicas, material didático, formação de professores, ideologias.

Abstract

The present research was developed from a very unique and fruitful context of
interaction between basic school and academia, in the context of the Teacher Training
Complex at UFRJ. More specifically, it focuses on a partnership Project between UFRJ and
SME-RJ aiming at the elaboration of English teaching materials and the initial and continued
education of teachers. Occurring in 2019, this Project, which aimed at the elaboration of one
didactic unit per school year (from 1st to 6th grade) to be used in the first semester of 2020,
culminated in the production of some versions built from different ideologies about language
and additional language teaching and learning. Besides, it ended up shaking both the teachers’
self-esteem regarding their role as authors of teaching materials and the relationships among
the actors involved: members of the SME’s English language team, teachers, undergraduate
students from UFRJ and UFRJ’s team (professors and doctoral students). I was then inspired
to create intelligibility about this complex public policy by reflecting on three main aspects:
the ideologies about language and language teaching and learning that underpinned not only
the elaboration of the different versions but also the Partnership as a whole, and the
understandings built throughout the Partnership about the pairs “academia-school” and
“teachers-teaching materials”. To this end, I analyzed the three versions of the 6th grade

material, year coordinated by myself and professor Rogério Tilio, and conducted semi-
standardized interviews (FLICK, 2009) with actors involved in the policy: two focus group

interviews with teachers and undergraduates, and two other semi-standardized interviews,
one with the SME’s English language team, and another with a professor from the UFRJ
team. To analyze the data generated, I wove an interpretivist reading based on Bakhtinian
perspectives, resorting to the following theoretical-methodological assumptions: some
concepts from Bakhtin’s Circle, such as “dialogic relations”, “discursive genres”, “authorship”
and “ideologies”; the Critical Socio-interactional Literacy Pedagogy (TILIO, 2019a); the
macro-criteria for textbook analysis (TILIO, 2016); Matland’s model (1995). My analyses
pointed to the predominance of ideologies about language and additional language teaching
and learning more linked to the perspective of abstract objectivism, as well as to the need to
bring the field of additional language teaching closer to public policy studies and to the
importance of strengthening the ties between academia and basic education. Moreover, it is
possible to highlight that this study highlights the role of the teacher as material author, and
the importance of studying about teaching materials in the process of initial and continuing
education.

Keywords: public policies, didactic material, teacher education, ideologies.

Patrícia de Souza Martins

Título:A FANFICTION CONTEMPORÂNEA:
um estudo de práticas multiletradas de leitoras/es e escritoras/es de literatura de fãs à luz da Arquitetônica do Círculo de Bakhtin

Orientador(a): Prof.ª Dra. Paula Tatianne Carréra
Szundy.

Páginas: 309

Resumo

A fanfiction é um fenômeno cultural e literário que se baseia na lógica das redes sociais, o que
realça as suas características multimodais e pluriculturais. Além disso, a fanfiction situa-se entre
as dimensões éticas e estéticas dos leitores e autores que interagem, quer em plataformas de
fanfiction on-line, quer em espaços onde os fandoms se reúnem. Portanto, esta tese tem como
objetivo compreender discursivamente as práticas de multiletramentos engendradas por fãs que
se engajam em relações dialógicas estabelecidas entre o autor-criador, o autor-pessoa, o autorfã, e o leitor que também é fã. Como referencial teórico-metodológico, esta tese faz uma
interlocução entre o conceito de multiletramentos (GRUPO DE NOVA LONDRES, 1996;
COPE; KALANTZIS, 2000; 2009), os princípios da Arquitetônica do Enunciado Concreto
(BAKHTIN, 2017 [1919-1921]), com foco em seus constituintes “gêneros do discurso” e as
formas de inserção e organização do heterodiscurso no romance. Considerando o entendimento
do Círculo de Bakhtin de que a natureza da linguagem é ideológica, esta tese também se
fundamenta nas reflexões de Volóchinov (2017 [1929]) e Medviédev (2016 [1928]) sobre um
método sociológico para estudar o que eles chamaram de ciência das ideologias. Como
ferramentas analíticas para a discussão de ideologias linguísticas, esta tese agrega à engrenagem
teórica elaborada abordagens e níveis convergentes de significação ligados ao campo da
antropologia linguística (KROSKRITY, 2004; WOOLARD, 1998, 2020) e conceitos da
sociolinguística interacional (SILVERSTEIN, 1979, 2003; SILVERSTEIN; URBAN, 1996;
BLOMMAERT, 2020, 2014, 2010, 2006). As relações dialógicas enfrentadas pelas vozes
teóricas no decorrer da pesquisa pautam a perspectiva etnográfica para uma pesquisa sobre
linguagem e letramentos (HEATH; STREET, 2008) e inserem a pesquisa em uma abordagem
metodológica chamada, nesta tese, de cotejo – um percurso em zigue-zague feito de
“comparações” inacabadas de discursos ideológicos. Portanto, o referencial teóricometodológico construído inscreve esta tese em um paradigma qualitativo de pesquisa em
Linguística Aplicada no qual o pesquisador é o eu-sujeito entendido como um participante não
indiferente que adota uma posição valorativa ética e implicada. Orientada por esse olhar
epistemológico, esta tese abordou a fanfiction como práticas de multiletramentos, apresentoua como um gênero plástico, flexível e criativo, e analisou as formas de inserção e organização
do heterodiscurso na fanfic – concebida como romance. Esta tese também discutiu os diferentes
tipos de relações dialógicas que reforçam ou desestabilizam construtos ideológicos sobre
literatura, linguagem, gênero e sexo. Nesse contexto, o principal entendimento desta tese
enfatiza que o elemento catalisador das práticas de multiletramentos da fanfiction é o amor por
um determinado fandom ou subfandom. É esse amor que desperta o desejo de ler e escrever
fanfics, de estudar literatura canônica ou mesmo de se tornar crítico ou escritor profissional.
Além disso, é por meio dessas práticas de multiletramentos que os participantes problematizam
relações de poder e (re)significam construtos ideológicos que ainda geram discriminação e
sofrimento em determinados grupos minoritários.
Palavras-chave: Fanfiction; Multiletramentos; Círculo de Bakhtin; Relações dialógicas;
Heterodiscurso; Ideologias linguísticas.

Abstract

Fanfiction is a cultural and literary phenomenon that draws on the logic of social networks,
which enhances its multimodal and pluricultural characteristics. Furthermore, fanfiction is
situated between the ethical and aesthetic dimensions of readers and authors who interact either
on online fanfiction platforms or in spaces where fandoms convene. Therefore, this thesis aims
to discursively understand the multiliteracy practices engendered by fans who engage in
dialogical relations established between the author-creator, the author-person, the author-fan,
and the reader who is also a fan. As a theoretical and methodological framework, this thesis
assembles the concept of multiliteracies (GRUPO DE NOVA LONDRES, 1996; COPE;
KALANTZIS, 2000; 2009), the principles of the Bakhtinian Architectonics (BAKHTIN,2017
[1919-1921]), focusing on its constituents “speech genres” and the forms of insertion and
organization of heterodiscourse in the novel. Considering the understanding of the Bakhtin
Circle that the language process of meaning making is ideological, this thesis is also grounded
on Volóchinov (2017 [1929]) and Medviédev (2016 [1928])’s reflections on a sociological
method to study what they called the science of ideologies. As for the discussion of linguistic
ideologies, the analytical tools added to the theoretical gear of this thesis are the convergent
levels of meaning linked to the field of linguistic anthropology (KROSKRITY, 2004;
WOOLARD, 1998, 2020) and concepts of interactional sociolinguistics (SILVERSTEIN, 1979,
2003; SILVERSTEIN; URBAN, 1996; BLOMMAERT, 2020, 2014, 2010, 2006). The
dialogical relations the theoretical voices faced throughout the research steps designed the
ethnographic perspective to language and literacy research (HEATH; STREET, 2008) and
inserted the research in a methodological approach called, in this thesis, cotejo – a zigzag route
made of unfinished “comparisons” of ideological discourses. Therefore, the theoretical and
methodological framework built inscribes this thesis in a qualitative paradigm of research in
Applied Linguistics in which the researcher is a social subject understood as a non-indifferent
participant who adopts an ethical and implicated valued position. Oriented by this
epistemological viewpoint, this thesis addressed the fanfiction as multiliteracy practices, as a
plastic, flexible and creative genre and analyzed the forms of insertion and organization of
heterodiscourse in the fanfic –conceived as a novel. This thesis also discussed the different
types of dialogical relations that reinforce or destabilize ideological constructs about literature,
language, gender, and sex. The main understanding in this thesis emphasizes that the catalyzing
element of the multiliteracy practices of fanfiction is the love for a certain fandom or subfandom.
It is this love that triggers the desire to read and write fanfics, to study canonical literature or
even to become a critic or professional writer. Furthermore, it is through these multiliteracy
practices that participants problematize power relations and (re)signify ideological constructs
that still generate discrimination and suffering in certain minority groups.

Keywords: Fanfiction; Multiliteracies; Bakhtin Circle; Dialogical relations; Heterodiscourse; Linguistic ideologies.

Raquel de Almeida Rodrigues

Título: “Minha prioridade número 1 é sobreviver”: silenciamento antipedagógico e estratégias de resistência

Orientador(a): Prof. Doutor Rodrigo Borba

Páginas: 186

Resumo

Este estudo narrativo busca entender os efeitos de projetos (neo/ultra) conservadores de
intervenção na educação – que está no centro dos debates ideológicos – através de
silenciamento antipedagógico nas práticas e identidades de educadores em uma escola da rede
federal de ensino básico. Entrevistas não estruturadas foram realizadas por videochamadas
gravadas com docentes de diferentes disciplinas que abordam temas socioculturais, quais
sejam: inglês, francês, história, geografia e sociologia, porém foi selecionada uma participante
focal. A análise das narrativas dessa docente investiga como sua identidade profissional e
pessoal, assim como suas práticas pedagógicas, são negociadas em um contexto de
demonização docente que busca o cerceamento da liberdade de cátedra sob a égide da “defesa
da família” contra a “doutrinação ideológica” e, especialmente, a “ideologia de gênero”.
Espera-se que ao construir entendimentos sobre os efeitos do silenciamento pedagógico, além
das formas de negociação de práticas identitárias e pedagógicas, possamos encontrar e
divulgar modos de resistência a projetos de exclusão discente e perseguição docente. O estudo
se alinha a uma visão performativa de linguagem (Austin, 1962), assim como de identidade e
gênero (Butler, 1993). Os dados emergentes apontam para a possibilidade de explorar a
existência de fraturas no jogo de forças que se apresenta.

Palavras-chave: narrativas, silenciamento antipedagógico, educação básica, liberdade de
cátedra, resistência

Abstract 

This study seeks to understand the effects of conservative projects intervening in the
education field – which is at the core of ideological debates – through an antipedagogic
silencing of identity as well as teaching practices in a public federal school. Unstructured
interviews have been carried out with fifteen different schoolteachers of different school
subjects, such as: English, French, History, Geography and Sociology. However, a focal
participant was chosen. The analyses of the narratives generated by that teacher in videocalls
that were recorded investigate how her personal and professional identity is negotiated in a
context of demonization of educators that attempt to curtail academic freedom under the guise
of a “child-protecting” rhetoric against an “ideological indoctrination” and, especially,
“gender ideology”. It is expected that in building understandings about the effects of
antipedagogic silencing, as well as ways of negotiating not only identity but also teaching
practices, we may find forms of resistance to projects that aim at students’ exclusion and
persecution or harassment of progressivist teachers.
The research carried out is aligned to a performative view of language (Austin, 1962), as well
as that of identities and gender (Butler, 1993). The emerging data point towards the possibility
of exploiting the existence of fractures in the power play at display.

Key words: narratives, antipedagogic silencing, primary education, academic freedom, resistance

 

Rodrigo Ferreira Viana

Título: O dispositivo cristão inclusivo: a contra-colonialidade de performances narrativas em cenas do Cristianismo contemporâneo

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Marcel Alvaro de Amorim

Páginas: 198

Resumo

Esta pesquisa tem o objetivo de compreender os efeitos contra-coloniais produzidos a partir de
práticas discursivas que articulam diferentes marcadores sociais, tais como raça, classe, gênero
e sexualidade, nas performances narrativas de sujeitos partícipes de uma denominação cristã
inclusiva no Brasil: as Igrejas da Comunidade Metropolitana. Aliado a uma perspectiva
INdisciplinar da Linguística Aplicada, efetuei uma pesquisa de campo (em ambientes online e
offline), através da qual procurei analisar os efeitos performativos de práticas narrativas
produzidas por sujeitos que se posicionam como cristãos(ãs) e LGBTQI+, levando em
consideração questões raciais e de credo. Analiso os dados produzidos na pesquisa com base
nas noções de pistas indexicais, posicionamento interacional e ordens de indexicalidade. Além
desses, conceitos como dispositivo, colonialidade, alterlogia subsidiam o entendimento
teórico-analítico do potencial contra-colonial efetuado nas performances narrativas dos sujeitos
da pesquisa em relação ao que chamo de dispositivo cristão-inclusivo. Se, por um lado, as
religiões cristãs funcionaram (e ainda funcionam) como importantes dispositivos no processo
de colonização posto em prática na modernidade, por outro lado, a emergência de igrejas
inclusivas no Brasil possibilita a crítica dos mecanismos presentes nesses dispositivos na
contemporaneidade, abrindo espaço para outros discursos que interseccionam perspectivas
sobre corpo, raça, classe, gênero e sexualidade, favorecendo a participação e legitimação de
sujeitos historicamente excluídos do exercício de práticas religiosas cristãs. A partir de uma
perspectiva contra-colonial, entendo que os processos de produção de sentido no emergente
dispositivo cristão-inclusivo podem ser entendidos através dos efeitos de performances
narrativas que desafiam padrões majoritários de identificação e (re)conhecimento cristão,
ampliando as possibilidades de romper com roteiros normativos e colonizadores do cristianismo
ao multiplicar as leituras possíveis dos corpos de fiéis e divindades cristãs.

Palavras-chave: Cristianismo Inclusivo; Dispositivo; Contra-colonialidade; Performance Narrativa; Indexicalidade.

Abstract 

This research aims at understanding the counter-colonial effects produced through discursive
practices that articulate different social markers such as race, class, gender, and sexuality in the
narrative performances of individuals participating in Brazilian inclusive Christian churches,
namely the Metropolitan Community Churches. Based on an UNdisciplinary Applied
Linguistics perspective, I conducted field research (both online and offline) in which I analyzed
the performance effects of narrative practices produced by individuals who identify as Christian
and LGBTQI+, taking into consideration racial and dreed issues. The analysis was based on the
notions of indexical cues, interactional positioning, and orders of indexicality. In addition to
these, concepts such as apparatus, coloniality, and alterlogy contribute to the theoretical and
analytical understanding of the counter-colonial potential carried out in the narrative
performances of the research subjects in relation to what I call the inclusive-Christian apparatus.
While, on the one hand, Christian religions have functioned (as they still do) as important
apparatus in the process of colonization practiced in nowadays, on the other hand, the
emergence of inclusive churches in Brazil allows for a critique of mechanisms present in these
apparatuses in the contemporary times, opening up space for other discourses that intersect
perspectives of the body, race, class, gender, and sexuality, which favor the participation and
legitimization of historically excluded individuals in the exercise of Christian religious
practices. From a counter-colonial perspective, I understand that the processes of meaning
production in the emerging inclusive-Christian apparatus can be understood through the effects
of narrative performances that challenge dominant patterns of Christian identification and
(re)cognition, expanding the possibilities to break away from normative and colonizing scripts
of Christianity by multiplying the possible reading of the bodies of the faithful and Christian
deities.

Keywords: Inclusive Christian; Apparatus; Counter-Coloniality; Narrative Performance; Indexicality.

 

Thamiris Martins Santos de Morais

Título:Formação de docentes para o ensino remoto emergencial em cursos de letras: a perspectiva de professores formadores sobre o período (pós-)pandêmico

Orientador(a): Prof.a Dr.a Kátia Cristina do Amaral Tavares

Páginas: 215

Resumo

Esta pesquisa investiga que ações foram realizadas para formar professores dos cursos de
Letras de três universidades públicas do estado do Rio de Janeiro para atuarem com as
tecnologias digitais durante o período de aulas presenciais suspensas pela pandemia de
COVID-19 – isto é, a formação docente emergencial – e compreender quais foram as
limitações dessa formação e quais são as recomendações para o futuro da formação de
professores, sob a perspectiva dos professores que estiveram à frente da criação dessas
iniciativas. A fundamentação teórica compreende estudos sobre aprendizagem de línguas
mediada pelas tecnologias digitais (PAIVA, 2015; BAX, 2003; entre outros), Educação a
distância e ensino híbrido (MOORE; KEARSLEY, 2007; HORN; STAKER, 2015; entre
outros), ensino remoto emergencial (HODGES et al., 2020; MOREIRA; SCHLEMMER,
2020; entre outros), formação de professores para o uso de tecnologias digitais (MORAN,
2004; PAIVA, 2013; entre outros), formação docente emergencial (WEBER; ALVES,
2022; RABELLO; TAVARES, 2022; entre outros), letramento digital (BUZATO, 2006;
FREITAS, 2010; entre outros) e competências digitais de professores e o modelo
DigCompEdu (REDECKER, 2017; DIAS-TRINDADE; SANTO, 2021; entre outros).
Foi desenvolvido um estudo de caso de base etnográfica e utilizados como instrumentos
para a geração de dados a pesquisa em sites e documentos das universidades, entrevistas
com os professores formadores e a análise de materiais utilizados na formação docente
emergencial ou sobre esse processo. A análise dos dados descreveu a cronologia das ações
em cada contexto, os cursos desenvolvidos pelos professores formadores e seu impacto
no passado, presente e futuro da formação docente no que concerne as tecnologias
digitais. Além disso, apresentam-se, nas considerações finais, algumas recomendações
para a futura formação de professores para uso das tecnologias digitais a partir das lições
aprendidas com a formação docente emergencial no contexto de cursos de Letras.
Palavras-chave: formação docente; tecnologias digitais; ensino superior; ensino remoto
emergencial; formação docente emergencial.

Abstract 

This research investigates which actions were taken to educate teachers of Language
courses of three public universities of the state of Rio de Janeiro to teach digital
technologies during the period of suspended face-to-face classes due to the COVID-19
pandemic – that is, emergency teacher education – and to understand the limitations of
this kind of teacher education and the recommendations for future teacher education
programs under the perspective of the teachers who were leading the emergency teacher
education initiatives. The literature review includes studies about computer-assisted
language learning (PAIVA, 2015; BAX, 2003; among others), distance education and
hybrid learning (MOORE; KEARSLEY, 2007; HORN; STAKER, 2015; among others),
emergency remote teaching (HODGES et al., 2020; MOREIRA; SCHLEMMER, 2020;
among others), teacher education for the use of digital technologies (MORAN, 2004;
VALENTE, 1999; PAIVA, 2013; among others), emergency teacher education (WEBER;
ALVES, 2022; RABELLO; TAVARES, 2022; among others), digital literacy (BUZATO,
2006; FREITAS, 2010; among others) and teacher digital competence and the

DigCompEdu model (REDECKER, 2017; DIAS-TRINDADE; SANTO, 2021; DIAS-
TRINDADE; MOREIRA, 2020; among others). A case study of ethnographic basis was

developed and the research instruments used to generate data were research in websites
and documents of the universities, interviews with the teacher educators and analysis of
materials used in the emergency teacher education process or about this process. The data
analysis described the chronology of the actions taken in each context, the courses
developed by the teacher educators and their impact in the past, present and future of
teacher education concerning the use of teaching technologies. Besides that, the final
considerations present some recommendations for future teacher education programs
aimed at the use of digital technologies based on the lessons learned from the emergency
teacher education experiences.
Keywords: teacher education; digital technologies; university teaching; emergency
remote teaching; emergency teacher education.

TESES DEFENDIDAS EM 2022

Total de teses defendidas: 9

Anderson Silva Matos

 Título: O desenvolvimento da autonomia do aprendiz no ensino superior à luz da Teoria da Atividade: a expansão de uma disciplina

Orientador(a): Profa. Dra. Kátia Cristina do Amaral Tavares

Páginas: 131

Resumo

A presente pesquisa objetiva compreender o desenvolvimento da autonomia de aprendizes de Inglês Instrumental em duas disciplinas ofertadas na modalidade híbrida (Inglês Instrumental I
e II) a fim de relacionar o desenho da atividade, visto à luz da Teoria da Atividade, e o uso de tecnologias digitais para a promoção da autonomia dos aprendizes. Para isso, lanço mão do
conceito de autonomia (HOLEC, 1981; BENSON, 2001; OXFORD, 2003; NICOLAIDES, 2003), compreendendo o seu desenvolvimento como um sistema complexo (PAIVA, 2006),
dotado de perspectivas individuais e socioculturais. Ao voltar-me para o desenho das disciplinas ofertadas consecutivamente, O uso da Teoria da Atividade (ENGËSTROM, 2002) possibilitou um arcabouço conceitual de análise das disciplinas e dos conflitos que dela surgiam. Aqui, faz-se necessário refletir sobre o desenvolvimento das gerações da TA, compreendendo os avanços da quarta geração, mas adotando uma proposta que atente ainda para o indivíduo (BAKHURST, 2009). Ao apresentar as bases metodológicas, a tese ainda apresenta reflexões sobre o período de isolamento para combate à pandemia da COVID-19, a fim de ressaltar a mudança no olhar para as tecnologias digitais a partir do período de isolamento. Esta pesquisa é um estudo de caso baseado em princípios da etnografia, tais como a co-construção da perspectiva êmica por meio de relatos dos participantes. Para isso, os dados são gerados a partir de registros das disciplinas na plataforma Moodle e também de entrevistas semiestruturadas com participantes voluntários. A análise dos dados indica não apenas um maior engajamento por parte de discentes, assumindo a posição de pares mais experientes e líderes (GEE, 2004), como também expansões em outros elementos do sistema de atividade, como a reflexão por parte dos aprendizes sobre a relevância da disciplina eletiva na grade curricular de seus cursos de origem e a percepção deles sobre a influência de uma comunidade étnico-racial mais diversa no
desenvolvimento da autonomia.

Palavras-chave: autonomia de aprendizes, teoria da complexidade, teoria da atividade, tecnologias digitais, ensino de língua inglesa

Abstract

MATOS, Anderson Silva. Learner autonomy development on higher learning through the lens of Activity Theory: expanding a course. Tese de Doutorado, Programa Interdisciplinar de Pós- Graduação em Linguística Aplicada, Faculdade de Letras, Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 2022. This research aims to comprehend the development of autonomy in learners from English for Academic Purposes in two distinct classes designed based on blended learning models (Inglês Instrumental I and II). It seeks to relate the designs of two courses, using the conceptual framework from Activity Theory, with the development of learner autonomy. To do so, the development of autonomy (HOLEC, 1981; BENSON, 2001; OXFORD, 2003; NICOLAIDES, 2003), is understood as a complex system (PAIVA, 2006), composed of individual and sociocultural perspectives. To better visualize the course designs, Activity Theory (ENGËSTROM, 2002) facilitates a conceptual framework for analyzing the system and conflicts that emerged from them. Moreover, a criticism on the development of generations on Activity Theory is needed, understanding the differences on the fourth generation, but adopting a model that focuses on the individual and their actions (BAKHURST, 2009). On presenting its methodological foundations, this work poses reflections based on the lockdown period facing the COVID-19 pandemic in order to shed light on new perspectives towards digital technologies and individuals that came from the lockdown practices. This is a case study based on ethnographic principles, such as the co-development of the emic perspective by considering subjects’ reports. To do so, data is generated from digital records on Moodle platform for the course and from partially guided interviews with volunteers. Data analysis indicates higher levels of commitment from undergraduates, who often assumed roles of more experienced peers and leaders (GEE, 2004); they also indicate expansions on other elements of the system, such as undergratuates’ reflection about the relevance of an elective course on their Faculty’s original curricula and their view on the influence of a more diverse ethnic-racial community on the development of their autonomy.

Keywords: learner autonomy, complexity theory, activity theory, digital technologies, English language learning

Cleilton França dos Santos

Título: Reinos Perdidos na Amazônia do Eldorado: Imagens e Discursos Em Historia de La Villa Imperial de Potosí, de Bartolomé Arzáns de Orsúa y Vela

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Luciana Marino do Nascimento

Páginas: 142

Resumo

Ancorado na análise de discurso de cunho reflexiva dentro Linguística Aplicada, este trabalho tem por temática o estudo da crônica com foco nos mecanismos que configuram os discursos do eu ficcional e as articulações relacionais entre história e ficção, discurso e ideologia em Historia de La Villa Imperial de Potosí de Bartolomé de Arzáns de Orsúa y Vela. A referida pesquisa se justifica por apresentar a crônica Historia de La Villa Imperial de Potosí de Orsúa y Vela (1965), como uma importante fonte para o desenvolvimento de um estudo teórico-analítico com vistas a uma reflexão sobre a importância da literatura boliviana e suas contribuições, principalmente, para o curso de Letras Espanhol da Universidade Federal do Acre. Tentamos explicar como o discurso do colonizador/explorador influencia a imagem que temos de nós mesmos, enquanto cidadãos latino-americanos. Em relação ao problema de pesquisa,
averiguamos através da crônica, Historia de La Villa Imperial de Potosí de Orsúa y Vela, com base nos livros e documentos de nosso aporte teórico, que o discurso do
colonizador europeu continua nos influenciando ainda no século XXI, porém, nem sempre esse discurso torna-se hegemônico. Assim, tem-se como objetivo geral realizar
uma investigação teórico-analítica sobre as imagens e os discursos presentes na crônica Historia de la Villa Imperial de Potosí, de Orsúa y Vela. Os objetivos específicos
consistem em a) Analisar a importância da crônica Historia de La Villa Imperial de Potosí para melhor compreensão da 1 literatura boliviana e suas contribuições, principalmente, para o curso de Letras Espanhol da Universidade Federal do Acre (UFAC). b) Discorrer sobre os benefícios da narrativa da crônica de Orsúa y Vela (1965) para compreensão da identidade dos cidadãos latino-americanos com vistas a resistir e desconstruir padrões, conceitos e perspectivas impostos a esses povos. Busca-se, portanto, compreender e interpretar as imagens e os discursos constituintes da crônica História de La Villa Imperial de Potosí, através das narrativas do cotidiano potosino enquadradas pelo autor, entrelaçando com as experiências deste pesquisador, sujeito amazônida, desde o lugar de onde fala. Os resultados de nossa pesquisa mostraram que a análise da crônica História de La Villa Imperial de Potosí, sob ponto de vista discursivo, leva a refletir que as imagens que são criadas sobre nós, pela força de um discurso de colonialidade, já não está apenas no colonizador, mas também tem atravessado os próprios latino-americanos que não conseguem gerar uma imagem autônoma de si mesmos, o que demonstra que ainda há rastros de subalternidade em relação aos europeus.

Palavras-chave: Linguística Aplicada. Bartolomé de Arzáns de Orsúa y Vela. Imagem. Discurso. América Latina.

ABSTRACT

Anchored in the analysis of reflexive discourse within Applied Linguistics, this paper is based on thematic or chronic study with a focus on the mechanisms that configure the
discourses of the fictional and the relational articulations between history and fiction, discourse and ideology in the History of the Imperial Villa of Potosí by Bartolomé de
Arzáns de Orsúa y Vela. This research is justified by presenting the chronicle Historia de la Villa Imperial de Potosí de Orsúa y Vela (1965), as an important source for the
development of a theoretical-analytical study with a view to a reflection on the importance of Bolivian literature and its contributions, mainly, for the course of Spanish
Letters of the Federal University of Acre. We try to explain how the discourse of the colonizer/explorer influences the image we have of ourselves, as Latin American cities.
In relation to the research problem, we find out through the chronicle, History of the Imperial Villa of Potosí de Orsúa and Vela, based on our books and documents of our
theoretical contribution, that the speech of the European colonizer continues to influence us still in the XXI century, for , but always this discourse becomes
hegemonic. Likewise, we had as a general objective to carry out a theoretical-analytical research on the images and discourses present in the chronicle Historia de la Villa
Imperial de Potosí, by Orsúa y Vela. The specific objectives are: a) To analyze the importance of the chronicle Historia de La Villa Imperial de Potosí for a better
understanding of Bolivian literature and its contributions, mainly, to the Spanish Letters course at the Federal University of Acre (FUAC). b) Discuss the benefits of the
narrative of the chronicle by Orsúa y Vela (1965) for understanding the identity of Latin American citizens with a view to resisting and deconstructing patterns, concepts and
perspectives imposed on these peoples. Therefore, we seek to understand and interpret the images and discourses that make up the chronicle História de La Villa Imperial de
Potosí, through the narratives of Potosí daily life framed by the author, intertwining with the experiences of this researcher, an Amazonian subject, from the place where
speech. The results of our research showed that the analysis of the chronicle História de La Villa Imperial de Potosí, from a discursive point of view, leads us to reflect that the
images that are created about us, by the force of a discourse of coloniality, are no longer only in the colonizer, but it has also crossed the Latin Americans themselves who are
unable to generate an autonomous image of themselves, which demonstrates that there are still traces of subalternity in relation to Europeans.

Keywords: Applied Linguistics. Bartolomé de Arzáns de Orsúa y Vela. Images. Discourses. Latin America.

Douglas Marques Luiz

  Título:O discurso transgresssivo de um dos expoentes da música brasileira: joão donato, a bossa nova e as canções amazônicas.

Orientador(a): Luciana Marino do Nascimento

Páginas: 209

Resumo

Na presente proposta realizamos considerações sobre a obra e a biografia do compositor João Donato, refletindo sobre sua experiência profissional no Brasil e no exterior. O processo criativo de sua obra e sua relação com a Amazônia. Para isso, fizemos uso da abordagem teórico-metodológica proposta pela Linguística Aplicada. Na introdução, são levantados alguns dados históricos a respeito do compositor e sua obra, após isso, evidenciamos os pressupostos teóricos utilizados na pesquisa. No decorrer do texto, trabalhamos com a contextualização histórica do movimento Bossa Nova e, em seguida, o aporte teórico que caracteriza João Donato como um dos “pais” do gênero musical. Portanto, desde a criação do estilo à contemporaneidade. Elucidamos também, a experiência musical transgressora do compositor e nos dedicamos a dissertar sobre seu processo criativo. Após essas premissas, direcionamos um capítulo aos aspectos históricos do Acre e o contexto da infância do músico. Tivemos a oportunidade nessa pesquisa, de realizar uma entrevista semiestruturada com o compositor, exclusivamente para esse trabalho. Além disso, debatemos sobre os distintos ambientes e sua influência na produção do artista, a construção de um ser cosmopolita, as importantes
participações nas jam sessions e os personagens controversos. A pesquisa se propôs inclusive, a realizar a análise de quatro canções que representam a síntese da produção
do artista. Após isso, evidenciaram-se os motivos para o compositor ter se destacado no cenário nacional e internacional. Desse modo, classificamos a pesquisa como qualitativa
de caráter biográfico, incluindo o trabalho de campo e com aportes teóricos voltados para o discurso. Por conseguinte, concluímos que João Donato permanece atual,
contemporâneo e, ainda em nossos dias, mesmo com mais de setenta anos, só de vida profissional, avant-garde.

Palavras – chave: João Donato. Linguística Aplicada. Composições. Amazônia.

ABSTRACT

In this proposal we will consider the work and biography of composer João Donato, reflecting on his professional experience in Brazil and abroad. The creative process of
his work and his relationship with the Amazon. To this end, we make use of the theoretical and methodological approach proposed by Applied Linguistics. In the
introduction, some historical data about the composer and his work are presented. After that, the theoretical assumptions used in the research are highlighted. Throughout the
text, we work with the historical contextualization of the Bossa Nova movement and, then, the theoretical contribution that characterizes João Donato as one of the “fathers”
of the musical genre. Therefore, from the creation of the style to contemporary times. We also elucidate the composer’s transgressive musical experience and discuss his
creative process. After these premises, we directed a chapter to the historical aspects of Acre and the context of the musician’s childhood. We had the opportunity in this
research to conduct a semi-structured interview with the composer, exclusively for this work. Besides this, we debated the different environments and their influence on the
artist’s production, the construction of a cosmopolitan being, the important participations in Jam sessions, and the controversial characters. The research also
proposed to analyze four songs that represent the synthesis of the artist’s production. After that, the reasons for the composer to have stood out in the national and international scene were made evident. Thus, we classify the research as qualitative of biographical nature, including field work and discourse-oriented theoretical contributions. Therefore, we conclude that João Donato remains current, contemporary, and, still in our days, even after more than seventy years, only of professional life, avant-garde.

Keywords: João Donato. Applied Linguistics. Compositions. Amazon.

Humberto Silva de Lima

 Título:Práticas de letramento literário em livros didáticos da educação de jovens e adultos no estado do rio de janeiro

Orientador(a): Prof. Dr. Rogério Casanovas Tilio.

Páginas: 207

Resumo

Tendo em vista o relevante papel que o livro didático tem no contexto escolar, a presente Tese, que é uma pesquisa de cunho qualitativo, tem como objetivo investigar as práticas
de letramento literário nos materiais didáticos de língua e literatura destinados ao público da Nova Educação de Jovens e Adultos (Nova Eja ou Neja), programa dividido em quatro
módulos, proposto pela Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro. Pergunta-se então: que concepções de letramento e leitores são (des)legitimadas nas atividades de
literatura da Nova Eja? Para essa pesquisa, delinearam-se alguns aportes teóricos para a análise dos materiais didáticos da Nova Eja, dentre os quais destaco o do Círculo de
Bakhtin (conceito de ideologia, dialogismo e gêneros discursivos), o de Paulo Freire (a proposta de uma educação libertadora), o de Street (modelo autônomo de letramento
versus modelo ideológico de letramento), o de Cosson (sequência expandida de letramento literário) e o de Tilio (operações mentais simples versus operações mentais
complexas). Outras vozes também foram convocadas, como as de Amorim et alii. Pelos instrumentos analíticos propostos por Tilio, foram analisados livros do aluno e livros do
professor da Nova Eja, no que se refere às atividades de leitura literária. Dessas, foram selecionadas 14 práticas (10 do livro do aluno e 4 do livro do professor). Os resultados
indicam a legitimação de um perfil de aluno que não tem capacidade de quebrar paradigmas do status quo, já que predominam atividades de operações mentais simples
sob o modelo autônomo de letramento, em que há uma centralidade no texto literário sem a preocupação com o saber prévio do interlocutor (no caso, o do educando). A possível
causa que levou a esse resultado foi o fato de os materiais didáticos dialogarem com a voz institucional da Secretaria Estadual de Educação, materializada no Sistema de
Avaliação Bimestral do Estado do Rio de Janeiro, ou ‘Saerjinho’. Com isso, os apontamentos feitos na análise procuraram apresentar alguns encaminhamentos para uma educação literária que provoque desestabilizações e (des)aprendizagens em prol da quebra de paradigmas impostos no contexto escolar.

PALAVRAS-CHAVE: educação de jovens e adultos, livro didático, letramento literário.

Abstract

En vista del papel relevante que los libros de texto tienen en el contexto escolar, esta Tesis, que es una investigación cualitativa, tiene como objetivo investigar las prácticas
de letramiento literario en los materiales didácticos de lengua y literatura dirigidos al público de la Nueva Educación de Jóvenes y Adultos (Nueva Eja o Neja), una programa
dividido en cuatro módulos, propuesto por la Secretaría de Educación del Estado de Río de Janeiro. La pregunta es entonces: ¿qué concepciones de alfabetización y lectores están
(des)legitimadas en las actividades literarias de Nova Eja? Para esta investigación, se esbozaron algunos aportes teóricos para el análisis de los materiales didácticos de la Nova
Eja, entre los que destaco el Círculo de Bakhtin (concepto de ideología, dialogismo y géneros discursivos), la propuesta de Paulo Freire (la propuesta de uma educación 
libertadora), la de Street (modelo autónomo de letramiento versus modelo ideológico de letramiento), la de Cosson (secuencia ampliada de letramiento literario) y la de Tilio (operaciones mentales simples versus operaciones mentales complejas). También se convocaron otras voces, como Amorim et alii. Por las categorías propuestas por Tilio, se analizaron los libros de los estudiantes y los libros de los profesores de Nueva Eja con respecto a las actividades de lectura literaria. De estas, se seleccionaron 14 prácticas (10 del libro del alumno y 4 del libro del profesor). Los resultados indican la legitimidad de un perfil de estudiante que no es capaz de romper paradigmas del statu quo, ya que predominan actividades de operaciones mentales simples bajo el modelo de letramiento autónomo, en que hay una centralidad en el texto literario sin importar los conocimientos previos del interlocutor (en este caso, la del alumno). La posible causa que condujo a este resultado fue el hecho de que los materiales didácticos dialogan con la voz institucional del Departamento de Educación del Estado, materializado en el Sistema de Evaluación Bimestral del Estado de Río de Janeiro, o ‘Saerjinho’. Con eso, los apuntes realizados en el análisis buscaron presentar algunas posibilidades para una educación literaria pertinente que provoque desestabilización y (des)aprendizaje en el contexto escolar para la ruptura de paradigmas impuestos.

PALAVRAS CLAVE: educación de jóvenes y adultos, libros de texto, letramiento literario.

Jéssica Uhlig Amorim Vasconcelos de Araújo

Título: “Onde a natureza reuniu suas mais ricas dádivas em uma Imagem” Os trópicos brasileiros no relato de viagem da princesa Therese Von Bayern

Orientador(a):  Prof. Dr. Doutor Luiz Barros Montez

Páginas: 218

Resumo

Em 1888, a princesa Therese von Bayern realizou uma expedição científica ao Brasil, reunindo experiências e coletando objetos naturais e etnográficos. Ao final da sua
viagem, reuniu os resultados de sua expedição em um relato de viagem. O objetivo desta pesquisa foi compreender de que forma as escolhas da autora, ao elaborar e dar forma
ao seu relato, se relacionaram com o desenvolvimento científico da época e refletiram as próprias ideologias da princesa. Para entender essa relação, tomamos como base o dialogismo e a definição de gêneros do discurso de Mikhail Bakhtin (2011; 2018). Com isso, buscamos compreender a visão da autora sobre as ciências e de que forma ela apreendeu o mundo com o qual interagiu durante a viagem.

Palavras-chave: Therese von Bayern; relato de viagem; gêneros do discurso

Abstract

In 1888 the princess Therese von Bayern undertook a scientific expedition to Brazil, gathering experiences and collecting natural and ethnographic objects. At the end of her
voyage, she published the results of her expedition and scientific studies in a travelog. The aim of this research was to understand how the author’s choices, when elaborating
and shaping her discourse, were related to the scientific developments of the 19 th century and reflected the princess’s own ideologies. Mikhail Bakhtin’s (2011; 2018) dialogism and speech genres ideas based the analysis of the travelog. The research provided an understanding of the author’s view of science and how she apprehended the world with which she interacted during her expedition.

Keywords: Therese von Bayern; travelog; speech genres

Marcelo Leal Lima

 Título: Thomas Whiffen na amazônia brasileira: fio continuum da linguagem como instrumento de poder sobre o amazônida

Orientador(a): Luciana Marino do Nascimento

Páginas: 212

Resumo

Meu objetivo nesta tese é compreender o relato de viagem The North-West of Amazons: notes of some months spent among cannibal tribes, do britânico Thomas Whiffen, e ter
como perspectiva seu discurso sobre a Amazônia brasileira, o homem amazônida do século XX, os costumes nativos e as práticas antropofágicas supostamente praticadas
pelas etnias Bora e Uitoto. Realizamos uma trajetória de como os relatos dos viajantes influenciaram e continuam a fazê-lo em relação à visão do mundo sobre as culturas
ameríndias. Focalizamos os dispositivos discursivos que influem na construção, na perpetuação e na consolidação de poderes do europeu sobre o amazônida. A questão a ser
decifrada é entender como as relações de poder exercidas pelo viajante britânico na Amazônia culminam em outros saberes e vontade de verdade, que, na maioria das vezes,
distorcem a realidade e aniquilam as culturas indígenas. Para a análise discursiva, das relações de poder e da trama ideológica, recorremos aos jogos de significação, às regras
que fazem emergir os discursos e que regem os indivíduos, a coletividade e os dispositivos, as técnicas e os meios utilizados na discursivização. Por esse motivo, empreendemos em uma investigação no rol dos estudos discursivos Bakhtinianos, de cunho bibliográfico, aliada a um aporte documental com enfoque teórico e abordagem na Linguística Aplicada. Para compreendermos os discursos, as representações e as subsequentes imagens construídas sobre os grupos linguísticos, valemo-nos de recursos como o da contextualização, descontextualização e recontextualização. Aditamos o reposicionamento das identidades sociais que participaram do evento e nessa ótica referimo-nos aos processos de centralização, descentralização e recentralização dos sujeitos envolvidos. Pelo estudo, concluímos que o inventário culturalista de Thomas Whiffen reflete e refrata como o saber e o poder, alojados no discurso, eram capazes de orientar a criação de realidades em uma economia escriturística que relegava ontologicamente os povos originários.

Palavras-chave: Linguística Aplicada. Literatura de viagens. Relato de viagem. Thomas Whiffen. Etnias Bora e Uitoto.

ABSTRACT

My objective in this dissertation is to understand the travel writing The North-West of Amazons: notes of some months spent among cannibal tribes, by the British Thomas Whiffen, and to have as a perspective his discourse on the Brazilian Amazon, the Amazonian man of the 20th century, the native customs and anthropophagic practices supposedly practiced by the Bora and Uitoto ethnic groups. We conducted a trajectory of how travelers’ writing influenced and continue to do so, in relation to the world’s view of Amerindian
cultures. We focused on the discoursive devices that influence the construction, perpetuation and consolidation of European powers over the Amazonian. The question to be deciphered
is to understand how the power relations exercised by the British traveler in the Amazon culminate in other knowledges and the will to truth, which, in most cases, distort reality and
annihilate indigenous cultures. For the discoursive analysis, power relations and ideological questions, we resorted to discoursive meanings, to the rules that make discourses emerge
and that govern individuals, the collectivity and the devices, techniques and means used in discoursivities. For this reason, we undertook an investigation into the Bakhtinian
discoursive studies, of a bibliographical nature, combined with a documentary contribution with a theoretical focus and approach in Applied Linguistics. In order to understand the
discourses, representations and subsequent images built on linguistic groups, we make use of resources such as contextualization, decontextualization and recontextualization. We
added the repositioning of the social identities that participated in the event and in this perspective, we refer to the processes of centralization, decentralization and recentralization of the subjects involved. Through the study, we conclude that Thomas Whiffen’s culturalist inventory reflects and refracts how knowledge and power, housed in discourse, were able to
guide the creation of realities in a scriptural economy that ontologically relegated the native peoples.

Key-words: Applied Linguistics. Travel literature. Travel writing. Thomas Whiffen. Bora and Uitoto ethnic groups.

Saide Feitosa da Silva

Título: Imagens do caribe anglófono: identidade, lutas e História da jamaica nas obras – the white witch of Rosehall e Jane’s career: a story of jamaica, de Hebert de Lisser

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Luciana Marino do Nascimento.

Páginas: 198

Resumo

Poucos acontecimentos na história da humanidade foram tão significativos quanto a chegada dos europeus à América. Com o pretexto de civilizar as “terras descobertas”, os
invasores impuseram sua cultura e modus operandi de exploração, ao ponto de dizimar populações indígenas inteiras e implantar as bases do capitalismo moderno através da
escravidão. A Jamaica, objeto deste estudo, por um lado, simboliza um dos ambientes proeminentes das Índias Ocidentais que muito refletiu a lógica imperialista europeia, por
outro, representa um dos berços de lutas emancipatórias contra o domínio europeu no Caribe. Através das obras: The white witch of Rosehall e Jane’s career: a story of
Jamaica, ambas do escritor jamaicano Hebert De Lisser, elaboramos intelecções sobre a sociedade, cultura e identidade jamaicanas para além da ideia de um país festivo e
paradisíaco, mas como um lugar de resistência contra a ordem hegemônica eurocentrada. Transitando por diferentes áreas do conhecimento dentro do escopo de uma LA
indisciplinar, consideramos outras imagens da Jamaica possuidora de uma conformação identitária contrária à escravidão e de uma literatura de valor histórico e cultural
incomensuráveis dentro dos estudos pós-coloniais e decoloniais. Por meio da episteme literária, objetivamos investigar a história, a cultura e a identidade do povo jamaicano
dentro de um contexto escravocrata e pós-escravocrata, analisando as ideologias presentes nos discursos e/ou contradiscursos fomentadores da subalternização dos negros
jamaicanos, mas ao mesmo tempo, da resistência deles ao sistema colonial dentro dos contextos histórico-culturais singulares das obras em questão. Para tanto, mobilizamos autores de diferentes matizes conceituais, a saber: Bakhtin (1999, 2000, 2002, 2008, 2015, 2019), Bhabha (1998), Canclini (2008), Dussel (1993), Fanon (1961, 2008), Foucault (2004, 2007, 2009), Geertz (2008), Hall (2006, 2009), Maingueneau (2002, 2006), Mignolo (2005, 2007, 2011, 2017), Moita Lopes (1996, 2002, 2006), Quijano (2005), Ramchand (1983), Said (2007, 2011), Volóchinov (2013, 2018), Vygotsky (1994, 2000, 2001), Williams (1984, 2012), Williams (2000, 2007). O estudo denota as seguintes apreciações: feitura de intelecções sobre majoradas ideologias racializadas fomentadoras da subalternização do negro suplantando minoritárias ideologias de resistência; construção de entendimentos sobre a processo formativo identitário do negro jamaicano
cingido com atitudes de resistência e reacionárias pró e contra a opressão escravocrata; elaboração de compreensões sobre a tecitura cultural escravocrata em ambas as obras que
refrata uma sociedade de exploradores (elite branca) e explorados (negros) dentro do rol de nações capitalistas (globalizadas) nas duas Jamaicas em estudo; observância do papel
relevante de Herbert De Lisser na reescrita da História de seu país e seu valor literário inconteste. Esses discernimentos nos apontam para comportamentos de resistência
urdidos por grupos de negros rebeldes no sentido de conter a sanha escravocrata no Caribe de modo geral, mas em contra partida observamos majoritariamente negros identificando-se com as ideologias de seus próprios algozes.

Palavras chave: Cultura. Identidade. Jamaica. Caribe. De Lisser.

ABSTRACT

Few events in human history were as significant as the arrival of Europeans in America. With the pretext of civilizing the ‘discovered lands’, the invaders imposed their culture and modus operandi of exploitation, to the point of decimating entire indigenous populations and implanting the foundations of modern capitalism through slavery. Jamaica, object of this study, on the one hand, symbolizes one of the prominent environments of the West Indies that reflected the European imperialist logic, on the other hand, it represents one of the cradles of emancipatory struggles against European rule in the Caribbean. Through the books: The white witch of Rosehall and Jane’s career: a story of Jamaica, both written by the Jamaican novelist Hebert De Lisser, we elaborate insights on Jamaican society, culture and identity beyond the idea of a festive and paradisiacal country, but as a place of resistance against the Eurocentric hegemonic order. Moving through different areas of knowledge within the scope of an indisciplinary (AL), we consider other images of Jamaica possessing an identity conformation against slavery and
a literature of incommensurable historical and cultural value within post-colonial and decolonial studies. Through the literary episteme, we aim to investigate the history,
culture and identity of the Jamaican people within a slave and post-slavery context, analyzing the ideologies present in the discourses and/or counter-discourses that foster
the subordination of Jamaican blacks, but at the same time, their resistance to the colonial system within the unique historical-cultural contexts of the novels studied. Therefore, we
mobilized authors of different conceptual fields, namely: Bakhtin (1999, 2000, 2002, 2008, 2015, 2019), Bhabha (1998), Canclini (2008), Dussel (1993), Fanon (1961, 2008),
Foucault (2004, 2007, 2009), Geertz (2008), Hall (2006, 2009), Maingueneau (2002, 2006), Mignolo (2005, 2007, 2011, 2017), Moita Lopes (1996, 2002, 2006), Quijano
(2005), Ramchand (1983), Said (2007, 2011), Volóchinov (2013, 2018), Vygotsky (1994, 2000, 2001), Williams (1984, 2012), Williams (2000, 2007). The study connotes the
following assessments: making insights into major racialized ideologies that foster the subalternization of blacks, supplanting minority ideologies of resistance; construction of
understandings about the identity formation process of the Jamaican black girded with resistance and reactionary attitudes for and against slave oppression; elaboration of
understandings about the cultural fabric of slavery in both works that refract a society of exploiters (white elite) and exploited (blacks) within the list of capitalist nations
(globalized) in the two Jamaicas under study; observance of the relevant role of Herbert De Lisser in the rewriting of the History of his country and its undisputed literary value.
These insights point us to resistance behaviors woven by groups of rebellious blacks in order to contain the enslavement in the Caribbean in general, but on the other hand, we observe blacks identifying with the ideologies of their own tormentors.

Keywords: Culture. Identity. Jamaica. Caribbean. De Lisser.

Vanessa Moreno Mota

   Título: “Estamos juntas!”: agências de professoras para o ensino-aprendizagem feminista de língua inglesa, na busca pelo empoderamento e transformação social, sob os impactos da pandemia de COVID-19

Orientadora: Profa. Dra. Christine Nicolaides

Co-orientador: Prof. Dr. Rogério Tilio

Páginas: 204

Resumo

Esta pesquisa retrata os impactos da chegada da pandemia de covid-19 no ensino-aprendizagem de língua inglesa, em um Instituto Federal da região metropolitana do Rio de Janeiro. Por considerar que as nossas interações mediadas pela linguagem são situadas socio-historicamente (MOITA LOPES, 2006), esta tese tem como aporte teórico a Teoria Sociocultural de Vygotsky ([1974] 1991]) e pauta-se na Pesquisa Crítica de Colaboração (PCCol) (NININ; MAGALHÃES, 2017; LIMA, 2019, entre outros), além de possuir como metodologia analítica a escrita narrativa
(BARKHUIZEN, 2014), que possibilita a criação de significados sobre as vivências ocorridas à época. Esta pesquisa objetivou analisar os diferentes tipos de agência (relacional, crítico- colaborativa e transformativa) (EDWARDS, 2007; 2015; ENGESTRÖM, 2013; LIMA, 2019, entre outros) de duas docentes nos momentos antes e durante a pandemia, com foco em interações privadas ocorridas via WhatsApp e a possível coocorrência entre elas, emergidas nos enunciados proferidos e impulsionadas (ou não) por manifestações de colaboração e contradição (NININ; MAGALHÃES, 2017; ENGESTRÖM; SANNINO, 2011). Ainda, lançou-se mão de diários de pesquisa, entrevistas com cinco estudantes do Ensino Médio Integrado, relatos de bolsistas e a utilização de uma conta do Instagram, na qual as professoras postaram e mantiveram contato, majoritamente, em língua inglesa com duas turmas do Ensino Médio Integrado durante a suspensão do calendário de aulas, por conta do isolamento social. As postagens foram negociadas em conversas privadas no WhatsApp entre as professoras e tinham como características apontar temáticas atuais e a partir de texto multimodais autênticos, com foco no gênero discursivo “petições on-line”, vinculadas, sobretudo, ao caso do assassinato do George Floyd, no Estados Unidos, em maio de 2020. Ao buscar valorizar as múltiplas linguagens e o uso de novas tecnologias de modo crítico (GNL-NEW LONDON GROUP, 1996; ROJO; MOURA, 2019, entre outros), os resultados indicam que o trabalho das docentes se mostrou alinhado com as novas agendas feministas (CARNEIRO, 2019), de modo a buscarem impulsionar o empoderamento (CARR, 2003; BERTH, 2019, entre outros) não só entre elas, mas também entre os estudantes, ao incentivar que assinassem petições on-line, em busca de transformação e justiça social, ao problematizar o racismo sofrido por negros na sociedade (AKOTIRENE, 2019; RIBEIRO, 2019, entre outros). Para além do planejamento das postagens do Instagram, os dados também apontam um trabalho colaborativo entre as docentes em tempos pandêmicos, e os impactos positivos no desenvolvimento de um projeto em língua portuguesa, voltado para a promoção do letramento crítico (CERVETTI et al., 2001), nas aulas de uma professora-participante.

Palavras-chave: agência, ensino-aprendizagem, inglês, empoderamento.

ABSTRACT

This research portrays how the onset of the COVID-19 pandemic impacted the process of the teaching and learning of the English as second language, at a Federal Institute in the
metropolitan area of the state of Rio de Janeiro. Considering that our interactions mediated by language are socio-historically situated (MOITA LOPES, 2006), this study draws upon Vygotsky’s
Sociocultural Theory ([1974] 1991]) and is guided by the Critical Collaboration Research (PCCol)  (NININ; MAGALHÃES, 2017; LIMA, 2019, among others), in addition to having narrative writing as its analytical methodology (BARKHUIZEN, 2014), which enables the creation of meanings about the experiences that occurred within the time frame under analysis. This research aimed to analyze the different types of agency (relational, critical-collaborative and transformative) (EDWARDS, 2007; 2015; ENGESTRÖM, 2013; LIMA, 2019, among others) of two ESL teachers, both before and during the pandemic, focusing on private interactions that took place via WhatsApp and the possible co-occurrence between them, emerged in utterances and driven (or not) by
manifestations of collaboration and contradiction (NININ; MAGALHÃES, 2017; ENGESTRÖM; SANNINO, 2011). In addition, the data generated encompassed research diaries, interviews with
five students in High School, reports from scholarship holders and the use of an Instagram account, over which the teachers posted and kept in touch, mostly in English, with two classes of the Ensino Médio Integrado (Technical Courses Integrated to High School Curriculum), while the school calendar was suspended due to social isolation. The posts were negotiated in private WhatsApp conversations between the teachers and were characterized by their emphasis on current affairs, from authentic multimodal texts, focusing on the discursive genre “online petitions”, linked, above all, to the George Floyd murder case, in the United States, in May 2020. By seeking to value multiple languages and the use of new technologies in a critical way (GNL-NEW LONDON GROUP, 1996; ROJO; MOURA, 2019, among others), the results indicate that the teachers’ work turned out to be aligned with the new feminist agendas (CARNEIRO, 2019), in the pursuit to boost empowerment (CARR, 2003; BERTH, 2019, among others) not only among the teachers themselves, but also among students. In search of transformation and social justice, and problematizing the racism suffered by black people in society (AKOTIRENE, 2019; RIBEIRO, 2019, among others), the teachers encouraged the students to sign online petitions. In addition to pointing out how the Instagram posts were planned, the data also show the collaboration between the teachers in pandemic times and its positive impacts on the development of a Portuguese language project aiming at promoting critical literacy (CERVETTI et al., 2001), in the classes taught by one of the participant teachers.

Keywords: agency, teaching-learning, English, empowerment.

Willianice Soares Maia

Título: A trama e a urdidura do discurso de criação do Acre nos jornais El Acre e Folha do Acre

Orientador(a): Prof.a Dra. Luciana Marino do Nascimento

Páginas: 150

Resumo

Nesta pesquisa, temos a preocupação de analisar a trama e a urdidura do discurso de criação do Acre, nos jornais El Acre e Folha do Acre, justificado pela LA (Linguística Aplicada), que nos permite analisar o contexto histórico a partir desses documentos e os discursos que permeiam todo esse contexto da ação humana. Sobretudo, o importante neste estudo é processo da construção do Acre. Destacamos que, na época da publicação, os propósitos e as interações dos jornais do Acre eram voltados para uma demanda econômica e política dos tempos da borracha. Portanto, sabendo que a Linguística Aplicada responde a uma demanda social, ela será o embasamento para a leitura e análise do surgimento da acreanidade. Dentre os objetivos, temos o estudo das imagens que foram construídas acerca do povo e do território acreano, nos dos discursos presentes nos Jornais El Acre e Folha do Acre. Eles expressaram o Acre boliviano e o Acre brasileiro, que naquele tempo era território da República Federativa do Brasil, portanto, o discurso que permeava a invenção e criação do Acre em jornais e documentos do período entre 1900 e 1910. Esse trabalho foi alicerçado nos teóricos da LA e discursos como os de Moita Lopes, Bakhtin, Foucault, Benedict Anderson, Luciana Nascimento, assim como autores que publicaram sobre o Acre e sua história, Ranzi, Tocantins, Cunha e outros. Logo foi possível perceber que o imaginário dos discursos criados sobre o Acre gerou preconceitos
a respeito do lugar, como sendo um ambiente inexistente, cultivado a partir de uma cultura imaginada.

Palavras-Chave: Acre. Jornais. Identidade.

ABSTRACT

In this research, we are concerned with analyzing the plot and the warp of the discourse of creation of Acre, in the newspapers El Acre and Folha do Acre, justified by the LA
(Applied Linguistics), which allows us to analyze the historical context from these documents and the discourses that permeate this entire context of human action. Above
all, what is important in this study is the process of building Acre. We emphasize that, at the time of publication, the purposes and interactions of the newspapers in Acre were
geared towards an economic and political demand from the rubber era. Therefore, knowing that Applied Linguistics responds to a social demand, it will be the basis for
reading and analyzing the emergence of acreanity. Among the objectives, we have the study of the images that were built about the people and territory of Acre, in the speeches
present in the newspapers El Acre and Folha do Acre. They expressed the Bolivian Acre and the Brazilian Acre, which at that time was the territory of the Federative Republic of
Brazil, therefore, the discourse that permeated the invention and creation of Acre in newspapers and documents from the period between 1900 and 1910. This work was based
on theorists from LA and speeches such as those by Moita Lopes, Bakhtin, Foucault, Benedict Anderson, Luciana Nascimento, as well as authors who published about Acre
and its history, Ranzi, Tocantins, Cunha, and others. One of the conclusions was to realize that the imaginary of the speeches created about Acre generated prejudices about the
place, as being a non-existent environment, cultivated from an imagined culture.

Keywords: Acre. newspapers. Identity.

TESES DEFENDIDAS EM 2021

Total de teses defendidas: 14

Adelzita Valéria Pacheco de Souza

Título: Trajetórias textuais do assassinato de Cláudia Silva Ferreira: entre necrótopos e cartografias de reexistência

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Maria de Fátima Lima Santos

Coorientador(a):  Prof(a). Dr(a). Branca Falabella Fabrício

Páginas: 150

Resumo

O século XIX foi, por excelência, um período de exaltação nacionalista, cuja matriz europeia encontra suas origens nos ideais da Revolução Francesa e no desenvolvimento das forças produtivas via Revolução Industrial, e, também, pela união das treze colônias dos Estados Unidos da América. A partir desses fatos históricos, dentre outros, a América Latina não ficou imune. Assim, no Novo Mundo, com o processo de formação das nações emergentes, o Brasil incorporou um processo político de formação bastante distinto dos demais países do continente sul-americano, pois o país estava sob a égide da Monarquia. Em 1822, logo após a independência e a implantação da monarquia constitucional, e sob a influência das ideias liberais, há muito infiltradas no Brasil, o Imperador D. Pedro I levou a cabo a missão de administrar e “criar a nação,” consolidando-se posteriormente pelo herdeiro do trono D. Pedro II (1840-1889). Nesse sentido, a questão da identidade no período monárquico forneceu a base para a construção e a legitimação do Estado, onde o monarca era o elemento que representava a nacionalidade, atuando em várias frentes, intervenções em diversos campos da vida social e política a partir do financiamento das artes e da literatura, das expedições científicas ao interior do país e com a criação de instituições públicas de educação, entre elas, atualmente, instituições de educação inclusiva, a exemplo do Imperial Instituto dos Meninos Cegos, atualmente Instituto Benjamin Constant (IBC), e, funcionando desde 1850, inaugurado em 1854, o Colégio Nacional para Surdos, atualmente Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES), criado em 1856. Assim, a construção da nação moderna nos trópicos passava também pelo ordenamento jurídico que deveria reger a educação. Nesta pesquisa, propomo-nos a fazer um estudo do discurso legal representado na legislação relativa à inclusão educacional nas ações de educação especial empreendidas no período do segundo império, identificar o legado deixado pelas ações de inclusão no Brasil imperial e identificar vínculos da implantação e do funcionamento das instituições de educação especial como legado para a organização da cidade. Neste fragmento de estudo, ainda inacabado, estamos utilizando referencial teórico, que fundamenta a pesquisa bibliográfica, além de realizarmos estudo em documentos oficiais, que serviram de viés para consolidar a implantação das referidas instituições, que abarcaram a orientação da educação especial no Brasil em consonância com a instauração da cidade e seu
desenvolvimento no século XIX.

Palavras-chave: Educação no segundo império. Educação inclusiva. Discurso. Cidade.

Abstract 

The nineteenth century was par excellence, a period of nationalistic exaltation, whose European matrix finds its origins in the ideals of the French Revolution and in the development of the productive forces through the English Industrial Revolution. In addition, by the union of the thirteen colonies of the United States of America and from all this movement, Latin America was not immune. Thus, in the New World, with a process of formation of the nations, Brazil incorporates a political process of formation quite distinct from the other Latin American countries, having been intensified the regime of monarchy. In 1822, shortly after Independence and the establishment of the constitutional monarchy and under the influence of liberal ideas long infiltrated in Brazil, Emperor D. Pedro I carried out the mission of administering and “creating the nation,” consolidated later by the heir to the throne D. Pedro II (1840-1889). For this, the question of identity in the period of the monarchy provided the basis for the construction and legitimation of the state, where the monarch was the element of nationality. Acting on
various fronts, interventions in various fields of social and political life, from the financing of the arts and literature, scientific expeditions to the interior of the country and the creation of public educational institutions, among them. Today, we characterize as institutions of inclusive education, such as the Imperial Institute of the Blind Boys, now the Benjamin Constant Institute – IBC. Functioning since 1850, inaugurated in 1854 and the National College for the Deaf, now National Institute of Education of the Deaf – INES, created in 1856. Thus the construction of the modern nation also passed by the legal system that should govern education. In this research, we propose a study of the legal discourse related to educational inclusion in the special education actions undertaken in the period of the Second Empire, to identify the legacy left by the inclusion actions in imperial Brazil. Moreover, to identify link (s) of the implantation and Special Education institutions as a legacy for the organization of the city. In this fragment of the study, which is still unfinished, we are using a bibliographical reference that bases the bibliographical research, as well as carrying out a study in official documents that served as a bias to consolidate the implementation of these institutions, which would include the orientation of special education in Brazil, establishment of the city and its development in the nineteenth century.

Keywords: Education in the II Empire. Inclusive education. Speech. City.

 

Áida Silva Penna

 Título: A NEUTRALIDADE NAS ENTREVISTAS DE PRÉ-MEDIAÇÃO FAMILIAR JUDICIAL: UM ESTUDO DA FALA-EM-INTERAÇÃO INSTITUCIONAL

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Paulo Cortes Gago

Páginas: 138

Resumo

Nessa pesquisa, tratamos do tema da neutralidade do mediador nas entrevistas de pré-mediação familiar judicial. Como interesses de pesquisa focamos no que as pessoas fazem e como elas fazem durante suas interações umas com as outras para descrever eventos e ações, ou seja, práticas sociais humanas. Temos a linguagem como fundadora da vida em sociedade. O mediador é peça fundamental para possível solução de uma disputa, pois uma de suas principais funções é facilitar a comunicação entre as partes em conflito. Entretanto, apesar de muitos manuais jurídicos que regulam a prática da mediação considerarem o mediador como um terceiro neutro e imparcial (AZEVEDO, 2016; SsAMPAIO & BRAGA NETO, 2007; MOORE, 1998), é tarefa dele ajudar as partes a expressarem suas histórias, relatos, reclamações sobre o outro, formular seus pontos de vista sobre a disputa etc., existindo, assim, um descompasso entre o entendimento abstrato do que é a mediação e a sua prática. O mediador tem a linguagem como instrumento de trabalho. Considerando que as entrevistas de pré-mediação são um importante constituinte da mediação (MOORE, 1998) e que, no nosso contexto, elas foram realizadas separadamente com cada uma das partes, investigamos como a mediadora gerencia as entrevistas de pré-mediação, a partir do seu papel de terceiro neutro e imparcial na resolução de controvérsia, e quais recursos são utilizados pela mediadora para tal. Tivemos como objetivo trazer uma melhor compreensão acerca das questões que envolvem o processo de busca de solução de conflito em situação de mediação judicial de uma Vara de Família, descrevendo como as ações realizadas pela mediadora exibem uma orientação para a neutralidade. Para tal, pautamo-nos nos pressupostos teórico-metodológicos da Análise da Conversa Etnometodológica (SACKS, SCHEGLOFF & JEFFERSON, 2003[1974]), por esta abordagem dedicar-se aos estudos das ações sociais humanas que são realizadas na fala-em-interação (HUTCHBY & WOOFFITT, 1998). Nosso corpus de análise compõe-se da gravação em áudio de quatro entrevistas de pré-mediação familiar judicial de dois casos distintos. Realizamos a transcrição destas gravações, segundo o modelo Jefferson de Transcrição (SACKS, SCHEGLOFF & JEFFERSON, 2003[1974]). Nossa pesquisa identificou pelo menos seis práticas recorrentes do mediador para permanecer-se neutro e imparcial durante as entrevistas de pré-mediação familiar judicial, são elas: perguntas de sondagem; normalização de comportamento; truísmo; apelo à explicação jurídica; pausas não-preenchidas; e, contrapeso do mediador. Além disso, em uma aspiração mais aplicada de pesquisa, acreditamos que os resultados poderão ser utilizados para a formação profissional de futuros mediadores.

Palavras-chave: neutralidade; entrevista de pré-mediação familiar; práticas sociais; fala- em-interação; análise da conversa etnometodológica

Abstract 

In this research, we dealt with the mediator’s neutrality theme in judicial family pre-mediation interviews. As research interests we focus on what people do and how they do during their interactions with each other to describe events and actions, that is, human social practices. We have language as the founder of life in society. The mediator is an essential part of a possible solution to a dispute, since one of his or her main functions is to facilitate communication between the parties in conflict. However, although many judicial manuals that regulate the practice of mediation consider the mediator as a neutral and impartial third party (AZEVEDO, 2016; SAMPAIO & BRAGA NETO, 2007; MOORE, 1998), it is his or her task to help the parties to express their stories, reports, complaints about the other, formulating their points of view about the dispute etc., thus, there is a mismatch between the abstract understanding of what mediation is and its practice. The mediator has language as a working tool. Considering that pre-mediation interviews are an important component of mediation (MOORE, 1998) and that, in our context, they were carried out separately with each party, we investigate how the mediator manages pre-mediation interviews, from their role as a neutral and impartial third party in dispute resolution, and what resources are used by the mediator to do so. We aimed to bring a better understanding of the issues surrounding the process of seeking conflict resolution in situations of judicial mediation by a Family Court, describing how the actions taken by mediator show an orientation towards neutrality. For this purpose, we are guided by the theoretical and methodological assumptions of Conversation Analysis (SACKS, SCHEGLOFF & JEFFERSON, 2003 [1974]), as this approach is dedicated to the studies of human social actions that are carried out in talk-in-interaction (HUTCHBY & WOOFFITT, 1998). Our corpus of analysis consists of the audio recording of four judicial family pre-mediation interviews of two different cases. We transcribed these recordings, according to the Jefferson Transcription model (SACKS, SCHEGLOFF & JEFFERSON, 2003 [1974]). Our research identified at least six recurrent practices of the mediator to remain neutral and impartial during judicial family pre-mediation interviews, which are: probing questions; normalization of behaviour; truism; appeal to judicial explanation; unfilled pauses; and, the mediator ́s counterbalancing. Also, in a more applied research aspiration, we believe that the results can be used for the professional training of future mediators.

Keywords: neutrality; family pre-mediation interview; social practices; talk-in-interaction; conversation analysis

 

Bruna Quartarolo Vargas

Título: A mediação no desenvolvimento com alunos do ensino
médio em interações em língua inglesa pelo prisma da teoria sociocultural

Orientador(a):  Christine Siqueira
Nicolaides

Coorientador(a):  Adolfo Tanzi Neto

Páginas: 312

Resumo

Esta pesquisa foi desenvolvida com alunos de ensino médio de um Colégio de Aplicação de uma universidade pública federal do Estado de Minas Gerais, Brasil. Seu objetivo foi investigar a mediação como possibilitadora de aprendizagem-e-desenvolvimento (NEWMAN; HOLZMAN, 2002) em interações em língua inglesa, mediante uma perspectiva sociocultural. Assim, o
embasamento teórico partiu dos preceitos da Teoria Sociocultural (TSC) (VYGOTSKY, 1998; LANTOLF, 2000; REGO, 1994), que entende a interação social como ferramenta para o desenvolvimento. Neste escopo, a investigação foi inicialmente inspirada em estudos sobre Avaliação Dinâmica (AD) (POEHNER, 2005, 2008, 2018), na qual o aprendizado é percebido como uma atividade colaborativa em que se dá o Desenvolvimento Mediado (POEHNER; INFANTE, 2015). Nesse contexto, foram considerados também os critérios de mediação postulados pela teoria da Experiência de Aprendizagem Mediada (FEUERSTEIN et. al., 2010), na qual são realizadas interposições deliberadas de um mediador (professor) em busca de fornecer estímulos a um mediado (aluno), possibilitando a ocorrência de aprendizagem. Ao atentar para o que pontua Nicolaides (2017), por um prisma sociocultural, o aprendizado de idiomas ocorre por meio da interação social, desde que haja oportunidades para que isso aconteça. Sendo assim, busquei compreender como se delineou o processo de Desenvolvimento Mediado em busca da aprendizagem-e-desenvolvimento nas sessões de interação realizadas com os alunos participantes desta pesquisa. As sessões tinham o intuito de auxiliar os participantes em sua preparação para participar de uma atividade de apresentação em língua inglesa, em um programa de intercâmbio escolar entre a escola brasileira e uma escola dinamarquesa. Os
dados foram gerados a partir de questionários, de transcrições das interações, de meu diário de pesquisa e de narrativas dos participantes desta investigação, acerca de suas experiências, uma vez que narrativas podem nos ajudar a “entender o estado mental interior de professores e alunos e a natureza do ensino e da aprendizagem de línguas como atividade social e educacional” (BARKHUIZEN et. al, 2014, p. 313). Os resultados apresentados aqui indicam que as atividades desenvolvidas ao longo deste trabalho promoveram espaços de aprendizagem que levaram ao desenvolvimento, essencialmente mediado, para todos os envolvidos, mediante uma práxis interativa e colaborativa.

Palavras-chave: teoria sociocultural, ensino de língua inglesa; desenvolvimento mediado, aprendizagem-e-desenvolvimento, interações.

Abstract 

This research was developed with high school students from an Application College of a federal public university in the State of Minas Gerais, Brazil. It aimed at investigating mediation as stimulus that leads to learning-and-development (NEWMAN; HOLZMAN, 2002) in English language interactions, from a sociocultural perspective. Thus, the theoretical background was built mainly based on Sociocultural Theory (TSC) (VYGOTSKY, 1998; LANTOLF, 2000; REGO, 1994), which understands social interaction as a tool for development. In this scope, the investigation was initially inspired by studies on Dynamic Assessment (DA) (POEHNER, 2005, 2008, 2018), in which learning is perceived as a collaborative activity in which Mediated Development takes place (POEHNER; INFANTE, 2015). In this context, the mediation criteria postulated by the Mediated Learning Experience theory (FEUERSTEIN et. al 2010) were taken into consideration. As Nicolaides (2017) points out, from a sociocultural perspective, language learning occurs through social interaction, if there are opportunities for this to happen. Therefore, I sought to understand how the Mediated Development process took place during interaction sessions held in English with the students, as well as to comprehend how the Mediated Development process was delineated towards learning-and-development. The sessions were intended to help the participants to prepare for a presentation in English in an activity of a school exchange program between the Brazilian school and a Danish school. Data were generated from questionnaires, transcripts of interactions, my research diary, and narratives of participants in this investigation about their experiences, since narratives can help us to “understand the inner mental state of teachers and students and the nature of teaching and learning languages as a social and educational activity” (BARKHUIZEN et. al, 2014, p. 313). The results presented here indicate that the activities developed throughout this work promoted learning spaces that led to development, essentially mediated, for all of those involved, through an interactive and collaborative praxis.

Keywords: sociocultural theory, English language teaching; mediated development, learning-and-development, interactions.

 

Daniela Márcia Souza

Título: TRAJETÓRIAS DE TEXTOS MIDIÁTICOS E DISCURSOS SOBRE A
TRAVESSIA DE GÊNERO EM “A FORÇA DO QUERER”

Orientador(a):  Prof. Dr. Luiz Paulo da Moita Lopes

Páginas: 140

Resumo

Este estudo tem como pano de fundo a novela “A Força do Querer”, da Rede Globo de Televisão, como uma produção midiática que impulsiona a circulação de discursos sobre
a transexualidade. O foco é essa viagem textual (FABRÍCIO, 2013). Focalizo o deslocamento dos significados propiciado pelos encontros semióticos sobre a vida em
trânsito de gênero. Meus objetivos são analisar como significados e textos sobre as vidas trans mobilizados pela novela “A força do querer” são recontextualizados em narrativas
jornalísticas digitais e em seus comentários e estudar como performatividades afetivas comparecem na tessitura textual, viajando por meio de signos. Para tanto, os conceitos
operacionalizantes da análise de texto aplicados a este trabalho são entextualização (BAUMAN; BRIGGS, 1990/2006) e indexicalidade (SILVERSTEIN, 2009, 2003). Além
destes, alinho-me também aos conceitos de performatividade linguística (AUSTIN, 1990/1962), performatividade de gênero (BUTLER, 1990, 2015/2009, 2005/2015a, 2016)
e performatividade afetiva (WETHERELL, 2012, 2014), sempre mantendo no horizonte que elas estão em constante movimento. O corpus de análise deste estudo é composto por
5 narrativas digitais e seus respectivos comentários. As palavras-chave “A força do querer” + “Trans” foram pesquisadas no Google Brasil e os resultados filtrados com base
em “relevância” e “maior popularidade” – métricas escolhidas por mim e executadas pelo algoritmo com base em minha historicidade na rede. Os filtros apontaram a importância
de dois capítulos da novela para as narrativas jornalísticas digitais. São eles: 100 e 127. Por isso, concentrei as análises em textos que tratam especificamente deles. A análise
chama atenção para como o circuito percorrido pelos significados e textos é complexo, não linear e imprevisível. As reentextualizações acontecem de maneira multidimensional.
As performances semióticas de afeto sinalizam mudanças na forma de afetação no que diz respeito à relação entre os afetos e as performances de gênero. A relacionalidade
socialmente instituída que se estabelece entre felicidade – afetos positivos – e normatividade de gênero é desestabilizada quando a transexualidade causa felicidade. Ou
seja, efeitos de sentido cistemáticos (VERGUEIRO, 2014) são rompidos quando a dissidência impulsiona, através de signos, a circulação de experiências afetivas positivas.
O potencial de ação das performances semióticas de afeto demonstra sua capacidade para a transformação dos cistemas e micropolíticas sobre os gêneros.

Palavras-chave:

Abstract 

This study has as its background the soap opera “A Força do Querer”, by Rede Globo de Televisão, as a media production that boosts the circulation of discourses about
transsexuality. The focus is on this textual journey (FABRÍCIO, 2013). I focus on the displacement of meanings provided by semiotic encounters on life in transit of gender.
My objectives are to analyze how meanings and texts about trans lives mobilized by the telenovela “A Força do Querer” are recontextualized in digital journalistic narratives and
in their comments and to study how affective performativities appear in the textual texture, traveling through signs. Therefore, the operational concepts of text analysis
applied to this work are entextualization (BAUMAN; BRIGGS, 1990/2006) and indexicality (SILVERSTEIN, 2009). In addition to these, I also align myself with the
concepts of linguistic performativity (AUSTIN, 1990), gender performativity (BUTLER, 1990, 2009/2015, 2005/2015) and affective performativity (WETHERELL, 2012, 2014),
always keeping in mind that these are in constant motion. The corpus of analysis of this study consists of 5 digital narratives and their respective comments. The keywords “Força
do querer” + “Trans” were searched on Google Brazil and the results filtered based on “relevance” and “greater popularity” – metrics chosen by me and performed by the
algorithm based on my historicity in the network. The filters pointed out the importance of two chapters of the telenovela for digital journalistic narratives. They are: 100 and 127.
Therefore, I concentrated the analysis on texts that specifically deal with them. The analysis draws attention to how the circuit traversed by meanings and texts is complex,
non-linear and unpredictable. Re-entextualizations happen in a multidimensional way. Semiotic performances of affect signal changes in the form of affectation with regard to
the relationship between affects and gender performances. The socially instituted relationality established between happiness – positive affects – and gender normativity is
destabilized when transsexuality causes happiness. In other words, cystematic meaning effects (VERGUEIRO, 2014) are broken when dissidence drives, through signs, the
circulation of positive affective experiences. The action potential of semiotic performances of affect demonstrates their capacity for the transformation of cystemes and
micropolitics about genders.

Keywords:

 

Débora Ventura Klayn Nascimento

Título: Discursos sobre a leitura literária no livro didático de português e literaturas do ensino médio

Orientador(a):  Ana Flávia Lopes Magela Gerhardt

Páginas: 266

Resumo

Agregando conceitos da Filosofia da Linguagem do Círculo de Bakhtin a discussões sobre a prática de leitura literária e seu aprendizado no ambiente escolar, esta Tese tem como
objetivo analisar os capítulos iniciais das três coleções de livros didáticos do ensino médio mais adotadas no PNLD 2018, a saber: Português contemporâneo: diálogo, reflexão e uso
(editora Saraiva); 2 – Se liga na língua (editora FTD); e 3 – Novas Palavras (editora Moderna). Os capítulos selecionados destinam-se à apresentação formal da noção de
literatura e adentram discussões sobre funções da literatura, bem como características do texto literário. Nesse sentido, a Tese discute: as informações teóricas apresentadas quanto
ao conceito de literatura; as escolhas referentes a textos, imagens e autores; e as atividades e sugestões de respostas dos manuais docentes. É intenção desta pesquisa argumentar que
tanto o modo de apresentação do conceito de literatura quanto as atividades de leitura literária promovidas pelos livros didáticos podem ser favorecidos por uma abordagem que
considere a leitura literária como um processo que envolve as dimensões, ética e estética do leitor, sempre entrecruzadas pela dimensão cognitiva. Desse modo, é foco desta Tese
considerar a prática de leitura literária escolar como atividade na qual haja espaço para a expressão do diálogo com as experiências dos leitores, a tomada de posição valorativa frente
à transfiguração da realidade proporcionada pela leitura, além da possibilidade de avaliação da experiência em termos estéticos. Para isso, os conceitos de dialogismo, atitude responsiva
e exotopia são usados na construção da noção de leitura literária aqui adotada e mobilizados em uma análise interpretativa e qualitativa dos capítulos mencionados. Os resultados
apontam para tensões entre as partes teóricas e práticas dos capítulos analisados. Nos trechos teóricos, a leitura literária é apresentada como experiência de transfiguração da realidade.
Contudo, nas atividades, observa-se um foco na expressão da compreensão textual, ao passo que a experiência literária recebe pouco espaço. Quanto às escolhas textuais, constata-se
predominância do cânone e pouca diversidade autoral, ainda que a literatura seja apresentada por meio de trechos teóricos que a contemplem em seu sentido mais amplo.

Palavras-chave: Leitura literária; Literatura; Ensino; Livros didáticos

Abstract 

Adding concepts from the Philosophy of Language of the Bakhtin Circle to discussions on the practice of literary reading and its learning, this Thesis aims to analyze the opening chapters of the three most adopted collections of Portuguese/Literature high school textbooks in a Brazilian textbook program: PNLD – 2018. The analyzed chapters present the notion of literature and refract discussions on the functions and characteristics of literary texts. In this sense, this Thesis discusses the theoretical information presented, the textbook choices regarding texts, images and authors, the questions related to the texts presented in the chapters and the answers suggested by the teaching manual. It is the intention of this research to argue that an approach that considers literary reading as a process that involves ethic and aesthetic dimensions of reading, always intertwined by the cognitive dimension, can favor the way of presenting the concept of literature and the literary reading activities in textbooks. Thus, the focus of this Thesis is to consider the practice of school literary reading as an activity in which there is space for the expression of the readers’ experiences, here understood as the taking of a valuing position in the face of the transfiguration of reality provided by reading. In addition, it aims to show the possibility of evaluating the literary reading experience in aesthetic terms. In order to do so, this Thesis draws on the concepts of dialogism, active responsive understanding and exotopia for the construction of the literary reading notion adopted and mobilized for the interpretative and qualitative analysis of the aforementioned chapters. The results point to tensions between the theoretical and practical parts of the analyzed chapters. The theoretical excerpts present literary reading as an experience of transfiguration of reality. However, in the activities, there
is a focus on the expression of textual understanding and little space is given for the literary experience. As for the textual choices, there is a predominance of the literary canon and little authorial diversity, even though the theoretical excerpts present literature in its broadest sense.

Keywords: Literary reading; Literature; Teaching; Textbooks

 

Diego Domingues Peçanha Moreirão

Título: PRÁTICAS DE LETRAMENTOS COM TEXTOS LITERÁRIOS EM LIVROS DIDÁTICOS

DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a).  Paula Tatianne Carréra Szundy

Co-Orientador(a): Prof(a). Dr(a). Marcel Alvaro de Amorim

Páginas: 242

Resumo

Compreendendo o relevante papel que livros didáticos têm no cotidiano escolar, a potência do trabalho com textos literários na educação básica e a importância em discutir as práticas de
letramento na Educação de Jovens e Adultos, esta Tese tem como principal objetivo investigar de que maneira livros didáticos, aprovados pelo PNLD-EJA, abordam a leitura de textos
literários e quais concepções de currículo, letramentos e leitores são (des)legitimadas por esses materiais. Para essa pesquisa, o recorte utilizado foi a análise, a partir dos princípios da Análise Dialógica do Discurso (ADD), das práticas de letramento em torno de textos literários de três coleções de livros didáticos para a modalidade em destaque, Alcance EJA (ed. Positivo, 2013), Caminhar e Transformar (ed. FTD, 2013) e EJA Moderna (ed. Moderna, 2013). Nessa investigação, tenho como principais pressupostos teóricos as ideias do Círculo de Bakhtin, tais
como Dialogismo, Ideologia, Heterodiscurso e Responsividade, bem como as reflexões de Paulo Freire sobre a educação de jovens e adultos enquanto um processo formativo crítico e
dialógico entre educador e educando. Os resultados indicam uma acentuada heterogeneidade na maneira como as atividades em torno de textos literários são estabelecidas, oscilando entre propostas ora conteudistas e superficiais, ora mais preocupadas com a promoção de diálogos em sala de aula e com a formação do leitor. Além da análise dos livros, apresento, partindo dos pressupostos das práticas de letramentos literários e das especificidades do público-alvo, uma possibilidade de trabalho com texto literário na educação de jovens e adultos.

Palavras-chave:  educação de jovens e adultos, livro didático, letramento, literatura.

Resumen 

Entendiendo el papel relevante que juegan los libros de texto en la vida escolar cotidiana, el poder de trabajar con textos literarios en la educación básica y la importancia de discutir las
prácticas de letramiento en la Educación de Jóvenes y Adultos, esta Tesis tiene como objetivo principal investigar cómo los libros de texto, aprobados por la PNLD-EJA, abordan la lectura
de textos literarios y qué concepciones de currículo, letramiento y lectores son (des) legitimadas por estos materiales. Para esta investigación, el recorte utilizado fue el análisis, a partir de los
principios del Análisis del Discurso Dialógico (ADD), de las prácticas de letramiento en torno a textos literarios de tres colecciones de libros de texto para la modalidad destacada, Alcance
EJA (ed. Positivo, 2013), Caminhar e Transformar (ed. FTD, 2013) y EJA Moderna (ed. Moderna, 2013). En esta investigación, tengo como principales supuestos teóricos las ideas del
Círculo de Bakhtin, tales como Dialogismo, Ideología, Heterodiscurso y Responsividad, así como las reflexiones de Paulo Freire sobre la educación de jóvenes y adultos como proceso de
formación crítico y dialógico entre educador y alumno. Los resultados indican una marcada heterogeneidad en la forma en que se establecen las actividades en torno a los textos literarios,
oscilando entre contenidos y propuestas superficiales, en ocasiones más preocupadas por la promoción del diálogo en el aula y por la formación del lector. Además de analizar los libros,
presento, a partir de los supuestos de las prácticas de letramiento literario y las especificidades del público destinatario, una posibilidad de trabajar con textos literarios en la educación de
jóvenes y adultos.

PALABRAS CLAVE: educación de jóvenes y adultos, libros de texto, letramiento, literatura

 

Juliana Anunciação Almeida

Título: AS RELAÇÕES RACIAIS E AS IDENTIDADES SOCIAIS DE NEGROS/AS PARTINDO DAS MARGENS PARA O CENTRO: PROBLEMATIZANDO AS INTERAÇÕES A FAVOR DO LETRAMENTO RACIAL CRÍTICO PROPICIADAS PELO USO DE UMA UNIDADE DIDÁTICA DE INGLÊS

Orientador(a):  Rogério Casanovas Tilio

Páginas: 216

Resumo

A sistemática marginalização de negros/as no Brasil (MUNANGA, 2019; NASCIMENTO, 2017) mostra que vislumbrar uma sociedade menos desigual exige ações contra o racismo. Considerando que a escola pode contribuir para a formação de cidadãos/as críticos/as capazes de agir em prol da transformação de relações sociais assimétricas, esta tese foca nos processos de (re)construção de conhecimento propiciados pelo uso de uma unidade didática de inglês preocupada em promover reflexões sobre relações raciais. Trata-se de uma unidade elaborada por mim e utilizada por uma professora de inglês da rede pública municipal do Rio de Janeiro com uma turma de 9o ano do Ensino Fundamental. O propósito é analisar como e se o engajamento em letramento racial crítico (FERREIRA, 2015) foi mobilizado nas e a partir das interações com a unidade e em que medida elas contribuíram ou não para a reflexão da professora sobre a problematização das identidades sociais de negros/as em sua prática docente. Enfocando uma educação racial crítica e uma perspectiva sociointeracional de ensino- aprendizagem (TILIO, 2016a), a unidade intitulada Professions trata de posições ocupadas por negros/as no mercado de trabalho. A pesquisa realizada é qualitativa, de cunho etnográfico orientada pela concepção bakhtiniana de linguagem (BAKHTIN, 1934-1935[2015]; VOLÓCHINOV, 1929[2017]) e por ponderações sobre a dimensão estrutural, concreta e histórica do racismo (ALMEIDA, 2018; 2015), a natureza estética do racismo no Brasil (NOGUEIRA, 2006) e o âmbito coletivo das identidades sociais de raça (HAIDER, 2019). As reflexões foram baseadas na análise dialógica do discurso (BRAIT, 2018) e inspiradas em apontamentos de Halliday e Matthiessen (2014) sobre o uso de recursos linguístico-discursivos. Entrevistas com a docente, as aulas observadas, trabalhos dos/as alunos/as e questionários respondidos por eles/as mostraram que a questão racial é capaz de mobilizá-los/as. Foi observado ainda certo olhar crítico deles/as para identificar práticas discursivas que ajudam a consolidar e as que contestam a naturalização do racismo e da desigualdade social. Percebeu-se também que a docente refletiu sobre a relevância de abordar as relações raciais nas aulas bem como de propor atividades que propiciem o protagonismo dos/as estudantes e que os/as instigue a expor e a questionar aspectos de seus horizontes valorativos referentes a diversas questões sociais.

Palavras-chave: relações raciais, identidades sociais de negros/as, educação racial crítica, letramento racial crítico, material didático, ensino de línguas

 

Abstract 

The systematic marginalization of black people in Brazil (MUNANGA, 2019; NASCIMENTO, 2017) shows that envisioning a less unequal society requires actions against racism. Considering that the school may contribute to the formation of critical citizens who can act in favor of the transformation of asymmetric social relations, this thesis focuses on the processes (re)construction of knowledge encouraged by the use of an English teaching unit aimed at promoting reflections about racial relations. The teaching unit designed by me was used by an English teacher and a group of 9th grade students at a public municipal middle school in Rio de Janeiro. The purpose is to analyse how and if engagement in critical racial literacy (FERREIRA, 2015) was fostered by the interactions with the teaching unit and to what extent they favored the teacher’s reflection on the problematization of social identities of black people in her teaching practice. Focusing on a critical racial education and sociointeractional perspective of the teaching and learning processes (TILIO, 2016a), the unit entitled Professions focuses on the
position held by black people in the labor market.The study is a qualitative-ethnographic research oriented by the Bakhtinian concept of language (BAKHTIN, 1934-1935 [2015];
VOLÓCHINOV, 1929 [2017]) and by the structural, concrete and historical dimension of racism (ALMEIDA, 2018; 2015), the aesthetic nature of racism in Brazil (NOGUEIRA, 2006) and the collective scope of social identities of race (HAIDER, 2019). Reflections were based on the dialogical analysis of discourse (BRAIT,2018) and inspired by Halliday and Matthiessen’s (2014) considerations about the use of linguistic and discursive resources. Interviews with the teacher, the classes observed, students’assignments and questionnaires showed that racial issue can engage students. It was also noticed that students expressed some critical views identifying discursive practices that help to consolidate and those used to question the normalization of racism and social inequality. Besides, the teacher reflected on the relevance of addressing racial relations in her classes and setting activities which foster students’ protagonism and encourage them to show as well as to question aspects of their evaluative horizon related to different social issues.

Keywords: racial relations, social identities of black people, critical racial education, critical racial literacy, teaching material, language teaching

 

Juliana Pereira Lannes

Título: PERCURSOS DA ENSINANÇA LITERÁRIA: DISCURSOS SOBRE LITERATURA E ENSINO NOS CURRÍCULOS DE LICENCIATURAS DAS IFES FLUMINENSES

Orientador(a):  Prof(a). Dr(a). Marcel Alvaro de Amorim

Páginas: 198

Resumo

Tendo como foco o ensino de Literatura na formação de professores, a presente Tese tem como objetivo central a leitura dos Projetos Pedagógicos de Curso (PPC) – enquanto documentos curriculares – de cursos de Licenciatura em Letras (Português/Literaturas) de Instituições de Ensino Federais do Estado do Rio de Janeiro a fim de compreender quais concepções de Literatura e de ensino de Literatura são refratadas e (des)legitimadas nesses documentos. Além disso, é de meu interesse, também, entender como esses documentos curriculares refletem as concepções das práticas de ensino de Literatura junto aos professores em formação. Esta pesquisa está filiada a uma concepção de Linguística Aplicada Indisciplinar (MOITA LOPES, 2006);
em consequência disso, o paradigma interpretativista colocou-se como melhor opção para a investigação (MOITA LOPES, 1994). Ademais, com a finalidade de direcionar meus
horizontes de leitura alcei mão da Análise Dialógica do Discurso (VOLOCHINÓV, 2017), caminho analítico cunhado com base em noções construídas pelo Círculo de Bakhtin, de onde também me aproprio dos conceitos de dialogismo, ideologias, gêneros do discurso, heteroglossia e exotopia. Todas essas concepções teóricas, juntamente com as leituras acerca do Letramento literário (PAULINO, 2005; COSSON, 2006 e 2015; STREET, 2004; REZENDE, 2013 e AMORIM e SILVA, 2020) e de Ensino de Literatura (PAULINO, 2010; COSSON, 2013 e MANGUEL, 2013) me auxiliaram durante a leitura das políticas acerca da formação de professores, assim como dos PPCs das instituições e as ementas das disciplinas sobre Literatura e ensino. A partir da análise, é perceptível que a visão refratada nos PPCs ainda é prioritariamente tradicional, tanto no que tange à Literatura quanto ao seu ensino. E, as concepções de práticas de ensino refletidas nos
documentos ainda estão muito atreladas as disciplinas de estágio.

Palavras-chave: Formação de Professores; Currículo; Literatura; Ensino de Literatura.

Abstract 

Focusing on the teaching of Literature in teacher education, this Thesis has as its central objective the reading of the Pedagogical Course Projects (Projetos Pedagógicos de Curso – (PPC)) – while curricular documents – of Licentiate Degree Courses (Portuguese/Literature) of Federal Education Institutions of the State of Rio de Janeiro to understand which conceptions of Literature and the teaching of Literature are refracted and (de)legitimized in these documents. Furthermore, it is also of my interest to understand how these curricular documents reflect the conceptions of Literature teaching practices with teachers in their pre-service education. This research is affiliated to a concept of Anti-disciplinary Applied Linguistics (MOITA LOPES, 2006); as a result, the interpretivist paradigm was the best option for the investigation (MOITA LOPES, 1994). Furthermore, to direct my reading horizons, I used the Dialogic Discourse Analysis
(VOLOCHINÓV, 2017), an analytical path based on notions built by the Bakhtin Circle, from which I also utilized the concepts of dialogism, ideologies, speech genres, heteroglossia and exotopy. All these theoretical conceptions, along with readings about Literary Literacy (PAULINO, 2005; COSSON, 2006 and 2015; STREET, 2004; REZENDE, 2013 and AMORIM and SILVA, 2020) and Literature Teaching (PAULINO, 2010; COSSON, 2013 and MANGUEL, 2013) helped me while reading the policies on teacher education, as well as the PPCs of the institutions and the syllabuses of the subjects on Literature and teaching. From the analysis, it was interesting to note that the refracted view in the PPCs is still primarily traditional, both regarding Literature and its teaching. The conceptions of teaching practices reflected in the documents are still closely linked to internship disciplines.

Keywords: Teacher Education; Curriculum; Literature; Teaching Literature.

 

Lilia Aparecida Costa Gonçalves

Título: TECNOLOGIAS MÓVEIS NA EDUCAÇÃO: um estudo sobre a formação continuada de professores de línguas

Orientador(a):  Prof. Dr. Luis Paulo Moita Lopes

Páginas: 315

Resumo

Esta pesquisa, um estudo de caso de natureza etnográfica, tem como objetivo investigar como a participação em um curso de formação continuada pode contribuir para a formação pedagógica sobre tecnologias móveis e para o planejamento de atividades de aprendizagem móvel para o ensino de línguas. Para atender ao objetivo proposto, foi elaborado, implementado e avaliado um curso de formação continuada de professores para o uso pedagógico de tecnologias móveis. O estudo fundamenta-se em uma revisão teórica sobre tecnologias, cultura digital e educação (CASTELLS, 2011; GABRIEL, 2018; LEMOS, 2008; LÉVY, 2010; PÉREZ GÓMEZ, 2015; SANTAELLA, 2010a), formação do professor na perspectiva crítica-reflexiva (PÉREZ GÓMEZ, 1997; SCHÖN, 1997; ZEICHNER, 1993), formação docente para usos de tecnologias (ALMEIDA; SILVA, 2011; BÉVORT; BELLONI, 2009; VILAÇA; GONÇALVES, 2019), aprendizagem móvel (KUKULSKA-HULME, 2009; SHARPLES; TAYLOR; VAVUOLA, 2010; SACCOL; SCHLEMMER; BARBOSA, 2011; TRAXLER, 2009). O estudo buscou compreender o uso já feito das tecnologias digitais na educação pelos participantes da pesquisa; identificar e analisar a percepção que os professores apresentam em relação ao uso de tecnologias móveis no processo educacional; identificar como os professores que buscam formação para o uso de tecnologias móveis já utilizam essas tecnologias em suas práticas docentes, quando as utilizem; analisar o curso de formação e a metodologia utilizada e as contribuições deste, sob a perspectiva dos participantes. Os dados foram gerados por questionários e registros de interações on-line. A análise de dados identificou que os professores já utilizam tecnologias móveis em suas aulas. No entanto, a maioria dos professores não teve formação específica sobre uso de tecnologias móveis em práticas docentes. Assim, faz-se necessária formação constante que contribuirá para o desenvolvimento de conhecimentos teórico, metodológico e tecnológicos, além da troca de experiências entre os participantes, que poderão ser recriadas em outros contextos educativos. Os dados também mostraram que a participação no curso ajudou no desenvolvimento de um professor reflexivo, que não se restringe à dimensão tecnológica. Em outras palavras, esse docente reflete sobre o uso de tecnologias na própria prática, não se limitando a desejar uma competência predominantemente prática, que pode se reduzir a aprender como usar ou operar o recurso tecnológico. Assim, ele deve planejar, selecionar os recursos e pensar sobre diferentes perspectivas pedagógicas e críticas. Além disso, foi possível verificar que o curso não apenas estimulou a reflexão e o desejo de usar as tecnologias móveis, mas também apresentou efeitos concretos nas práticas dos professores participantes.

Palavras-chave: Tecnologias Móveis. Formação de Professor. Ensino de Línguas. Aprendizagem Móvel. Práticas Pedagógicas.

Abstract 

This research, a case study of ethnographic nature, aims to investigate how participation in a continuing education course can contribute to pedagogical training on mobile technologies and to the planning of m-learning activities for language teaching. To reach the proposed objective, a continuing teacher education course for the pedagogical use of mobile technologies was designed, implemented and evaluated. The study is based on a theoretical review on technologies, digital culture and education (CASTELLS, 2011; GABRIEL, 2018; LEMOS, 2008; LÉVY, 2010;
PÉREZ GÓMEZ, 2015; SANTAELLA, 2010a), teacher education in a critical-reflective perspective (PÉREZ GÓMEZ, 1997; SCHÖN, 1997; ZEICHNER, 1993), teacher education for the use of technologies (ALMEIDA; SILVA, 2011; BÉVORT; BELLONI, 2009; VILAÇA; GONÇALVES, 2019), mobile learning (KUKULSKA-HULME, 2009; SHARPLES; TAYLOR; VAVUOLA, 2010; SACCOL; SCHLEMMER; BARBOSA, 2011; TRAXLER, 2009;). The study sought to understand the use already made of digitals technologies in education by research participants; identify and analyze the perception that teachers have regarding the use of mobile technologies in the educational process; analyze the training course and the methodology adopted and its contributions, from perspective of the participants. Data were generated by questionnaires and records of online interactions. Data analysis identified that teachers already use mobile technologies in their classes. However, most teachers, did not have any specific training on the use of mobile technologies in teaching practices. Thus, it is necessary constant training in order to contribute to the development of theoretical, methodological and technological knowledge, in addition to the exchange of experiences between participants, which can be recreates in other educational
contexts. The data also showed that participation in the course contributed to the development of a reflective teacher, who is not restricted to the technological dimension. In other words, this professor reflects on the use of technologies in their own practice, not limiting themselves to wanting a predominantly practical competence, which can be reduced to learning how to use or operate the technological resource. Therefore, he must plan, select resources ant think about different pedagogical and critical perspectives. Furthermore, it was possible to verify that the course not only stimulated reflection and the wish to use mobile technologies, but it also had concrete effects on the practices of the participating teachers.

Keywords: Mobile Technologies. Teacher Education. Language Teaching. Mobile Learning. Teaching Practice.

 

Luciano Mendes Saraiva

 Título: TRÓPICOS MUSICAIS: A INVENÇÃO DISCURSIVA DE UMA CULTURA LATINO-AMERICANA ATRAVÉS DA MÚSICA continuada de professores de línguas

Orientador(a):  Luciana Marino do Nascimento

Páginas: 226

Resumo

Na contemporaneidade, as culturas se encontram, se entrelaçam, se constroem e reconstroem, tornando-se cada vez mais equivocado pensar em um único conceito de cultura, principalmente, no espaço que se convencionou chamar de América Latina, o qual, apesar de ser atravessado por múltiplas fronteiras, foi e ainda é interpretado como um todo homogêneo. Nesse sentido, em nosso estudo intitulado Trópicos musicais: a invenção discursiva de uma cultura latino-americana através da música, discutimos importantes elementos presentes nas canções latino-americanas, que se popularizaram na década de 1940, tais como: o drama e a passionalidade, mas também outros aspectos relativos aos traços ideológicos, sociais e identitários, uma vez que a década de 1940 foi marcada pelas tensões da Segunda Guerra Mundial e pela política internacional norte-americana denominada de Política da Boa Vizinhança, implantada no governo de Roosevelt a partir de 1932, que estabeleceu não só vínculos comerciais, mas também uma grande influência cultural nos países latino-americanos, difundindo a imagem de uma América Latina como bloco homogêneo, não só a partir das canções de acento melodramático, como também através da criação de um ícone do Pan-americanismo – Carmen Miranda. Além de estudar a construção de uma América Latina estereotipada como melancólica e passional, discutiremos a identidade de seu povo, descrevendo a história e o contexto em que determinadas canções foram produzidas e, por meio dos discursos presentes nelas, atentaremos às vozes e aos sujeitos, tirando do anonimato fatos que poderão nos auxiliar na compreensão do tecido cultural rico e heterogêneo que constitui a América Latina. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, que utiliza como método os estudos de narrativa, de cunho analítico e descritivo, ancorada nos pressupostos da Linguística Aplicada (LA), pelo seu caráter inter e transdisciplinar; pensamos o objeto como híbrido, heterogêneo, dinâmico e situado na vida social, trazendo à tona seus atravessamentos identitários, construídos nos discursos. Entrelaçamos os pressupostos da LA a outros referenciais, notadamente àqueles relacionados aos estudos da cultura, da identidade e, também, da identidade latino-americana. Estudiosos como Moita Lopes (1996, 2006), Pennycook In: Moita Lopes (2006), Bakhtin (2003, 2006), Foucault (2012), Williams (2000), Canclini (2015), Geertz (2008), Hall (2005, 2008), Bourdieu (2008) e Santiago (2000), nos forneceram subsídios para o estudo da cultura e do discurso presentes em algumas canções latino-americanas, objetos de estudo desse trabalho. Como resultado, defendemos a ideia de “culturas latino-americanas”, considerando que as diferentes cartografias desse lugar produziram diversos tipos de interações sociais e culturais. De modo igual, os povos que ali convivem, heterogêneos devido às suas origens étnicas – indígenas, negros, brancos – resultados dos processos de exploração e imigração, possibilitam a conformação de um grande celeiro cultural, o que distancia a perspectiva de uma cultura homogênea. No tocante ao gênero bolero, destacou-se o caráter passional e melodramático dos povos latinos, mas, também, por meio dele, identificamos traços importantes (político, ideológico, religioso, nacionalista, patriótico, familiar etc.) que nos ajudaram a repensar e reclassificar as culturas e identidades dos sujeitos latino-americanos, o que, em nossa leitura, rompe com estereótipos que pouco representam aquelas nações, reforçando nossa perspectiva de que a América Latina foi e continua sendo inventada pela ótica estrangeira.

Palavras-chave: Cultura. Discurso. América Latina. Música. Linguística Aplicada.

Abstract 

In contemporary times, cultures meet, intertwine, build and rebuild themselves, making it increasingly incorrect to think of a single concept of culture, especially in a place which
came to be called Latin America, and even though it has been crossed by multiple borders, it was and still is interpreted as a homogeneous whole. Thus, in our study entitled Musical
Tropics: A discourse invention of a Latin American culture through music, we discuss important elements present in Latin American songs, which became popular in the 40s, such as: drama and passion, as well as other relevant aspects concerning ideological, social and identity traits, since the 1940s was marked by the tensions of World War II and by the North American international policy called the Good Neighbor Policy as well, implemented by Roosevelt’s tgovernment from 1932 onwards, which established not only commercial links, but also a great cultural influence in Latin American countries, spreading the Latin America image as a homogeneous block, not only from songs of melodramatic features, but also through the creation of a Pan Americanism icon – Carmen Miranda. In addition to studying the construction of a stereotyped Latin America itself as melancholic and passionate, we discuss its peoples’ identity, describing the history and the context in which certain songs were produced, and through their speeches themselves, we focus on voices and subjects, taking behind the curtains some facts that can help us to understand the rich and heterogeneous cultural make-up which constitutes Latin America as a whole. This is a qualitative research that uses narrative studies as a method, from analytical and descriptive nature, anchored in the assumptions of Applied Linguistics (AL), due to its inter and transdisciplinary character; we think of the object as hybrid,
heterogeneous, dynamic and situated in social life, bringing out its identity crossings, constructed in the discourses. We intertwined AL assumptions with other references, notably those referred to culture and identity, and also, Latin American identity. Scholars such as Moita Lopes (1996, 2006), Pennycook In: Moita Lopes (2006), Bakhtin (2003, 2006), Foucault (2012), Williams (2000), Canclini (2015), Geertz (2008), Hall (2005, 2008), Bourdieu (2008) and Santiago (2000), provided us with subsidies for the study of culture and discourse present in some Latin American songs, objects of study in this work. As a result, we defend the idea of “Latin American cultures”, considering that the different cartographies of this place have produced different types of social and cultural interactions. Likewise, the peoples who live there, heterogeneous due to their ethnic origins – indigenous, black, white – as a result of exploitation and immigration processes, make it possible to compose a large cultural source, which distances the perspective of a homogeneous culture. Regarding the bolero genre, the passionate and melodramatic
character of the Latin peoples was highlighted, but also, through it, we identified important traits (political, ideological, religious, nationalist, patriotic, family, etc.) that helped us to rethink and to reclassify the cultures and identities of Latin American subjects, which, in our point of view, breaks with stereotypes which badly represent those nations, reinforcing our perspective that Latin America was and continues to be invented from a foreign perspective itself.

Keywords: Culture. Speech. Latin America. Music. Applied Linguistics.

 

Rodrigo Marcelino

Título: O DISCURSO DA ANÁLISE: SUBSÍDIOS PARA SUA HISTÓRIA

Orientador(a):  Luiz Barros Montez.

Páginas: 314

Resumo

O discurso da análise será abordado como um problema epistemológico para a Linguística Aplicada por meio de uma história das ideias da cultura brasileira. Nós devemos primeiro
discriminar não somente um enunciado, mas três enunciados (linguagem, história, sujeito), que têm sido frequentemente operados como uma técnica de interpretação, produzindo juntos uma articulação que será expressa pelos termos discurso da análise ou fala analítica. O discurso da análise é a articulação constante e cerrada do saber da linguagem com o saber da história e com o saber do sujeito. Recentemente, essa técnica de intepretação vem sendo empregada como se não houvesse um ontem, fazendo com que o discurso da análise perca o sentido que
historicamente sugere para ser a expressão de um complexo de aspirações existentes do momento presente, aparecendo exclusivamente como técnica de interpretação das doutrinas do
discurso. Sustentamos a tese de que, na verdade, o discurso da análise tem mais de um século de existência, que não precisa ser procurada em uma cultura distante. No curso da tese
oferecemos subsídios para essa hipótese com base em um amplo uso de fontes primárias. Tentaremos relocalizar o discurso da análise em suas condições históricas por meio das suas
manifestações em diversos períodos e em diferentes ramos de saber que antecederam a formação das doutrinas do discurso em nossa cultura. Com isso, esperamos ter criado a
viabilidade para suspender uma verdade presente, extrair a moral filosófica do papel da experiência local próxima e inserir um conceito, oriundo da relação entre o saber da linguagem
e a prática de interpretar, para a formação de uma Linguística Aplicada autorreflexiva.

Palavras-chave: História das ideias; discurso da análise; epistemologia da linguagem; doutrinas do discurso; Linguística Aplicada.

Abstract 

This thesis launches the concept of Analytical speech as an epistemological problem for Applied Linguistics by way of a history of ideas in Brazilian culture. Analytical speech is a
chaining of three statements. This is a complicated interplay among the knowledge of language with the knowledge of history and the knowledge of the subject, which is, from now on, named by the following terms: analytical speech or discourse of analysis. Lately, analytical speech is the central issue of discourse theories, but this technique of interpretation has been used and recognized as if it had no past. Thus, we situate analytical speech project historically to rediscover on what basis it became possible. Our hypothesis is that Analytical speech has more
than a century of existence in Brazilian culture, since it has been taken for granted, as it were, as a foreign influence. The hypothesis of past existence of analytical speech is subsided with
an extensive usage of primary sources. To carry out this enterprise we attempt to isolate and describe some of the relations which underlie the three major statements of analytical speech
on different branches of knowledge and on different time periods that preceded the formation of discourse theories in our culture. In short, it is not only expected to suspend the present truth of the discourse theory and to extract a philosophical moral of the role of repeatability of local culture, but the thesis also provides for a conceptualization of analytical speech as a
epistemological result of the relationships between knowledge of language and interpretation to Applied Linguistics.

Keywords: History of ideas; analytical speech; discourse theory; epistemology of language; Brazilian culture.

 

Thamiris Oliveira de Araujo

Título: A integração de metodologias ativas e tecnologias móveis na disciplina de língua inglesa: um estudo de caso no ensino médio técnico

Orientador(a):  Kátia Cristina do Amaral Tavares.

Coorientadora:  Ana Amélia C. C. Amorim S. de Carvalho.

Páginas: 241

Resumo

As ferramentas da Web 2.0 somadas à característica ubíqua dos telefones celulares expandem as oportunidades de aprendizagem do inglês como língua adicional. Já as metodologias ativas conferem maior autonomia e motivação para o aluno se engajar nas propostas pedagógicas, levando-o a desenvolver competências sociais e cognitivas fundamentais para cidadãos do século XXI (FILATRO; CAVALCANTI, 2018). A partir dessas premissas, esta pesquisa foi desenvolvida com o objetivo de elaborar, implementar e avaliar uma proposta pedagógica curricular que integra metodologias ativas e tecnologias digitais, em particular o telefone celular, nas aulas de língua inglesa no Ensino Médio Técnico Integrado ao longo de um ano letivo. Assim, o currículo da disciplina de língua inglesa teve como base a inserção de quatro metodologias ativas, a saber, (i) a aprendizagem baseada em jogos (NICHOLSON, 2012; GEE, 2005); (ii) a aprendizagem baseada em projetos (BENDER, 2014); (iii) a aprendizagem colaborativa (VYGOTSKY, 1998; DILLENBOURG et al, 2002); e (iv) a sala de aula invertida (CHRISTENSEN; HORN; STAKER, 2013; BERGMANN; SAMS, 2019), integrando-as a aplicações da aprendizagem móvel (TRAXLER, 2009; HOCKLY, 2012; PEGRUM, 2014; SHARPLE, 2009). O estudo de caso etnográfico (ANDRÉ, 1995) aqui conduzido buscou identificar os pontos positivos e negativos da integração de metodologias ativas e tecnologias móveis ao currículo da disciplina, como também avaliar essa integração a partir da ótica docente e discente. Dentre os diversos resultados alcançados em um ano de pesquisa, os projetos trimestrais ganharam destaque, pois foram majoritariamente avaliados de forma positiva pelos participantes e oportunizaram o desenvolvimento de múltiplos letramentos (DUDLEY; HOCKLY; PEGRUM, 2016) e o aprofundamento de temas relevantes para um ensino plurilíngue (ROCHA, 2015). Já o uso do telefone celular como recurso didático trouxe como principais contribuições para a aprendizagem: o feedback automático na correção das tarefas, o exercício da compreensão auditiva seguindo o ritmo estabelecido pelo aluno e a gravação de voz no trabalho com a oralidade em língua inglesa.

Palavras-chave: ensino de inglês como língua adicional; metodologias ativas; tecnologias móveis na educação; letramentos digitais; ensino plurilíngue.

Abstract 

Web 2.0 tools added to the ubiquitous characteristic of cell phones expand the opportunities for learning English as an additional language. Active methodologies provide greater autonomy
and motivation for the student to engage into pedagogical proposals, leading them to the development of fundamental social and cognitive skills for 21st-century citizens (FILATRO;
CAVALCANTI, 2018). Based on this premise, this research aims to develop, implement, and evaluate a curricular pedagogical proposal that integrates active methodologies and digital
technologies, in particular the cell phone, in English language classes in Integrated Technical High School through the course of a school year. Thus, the curriculum of the English subject
was based on the insertion of four active methodologies, namely, (i) game-based learning (NICHOLSON, 2012; GEE, 2005); (ii) project-based learning (BENDER, 2014); (iii) collaborative learning (VYGOTSKY, 1998; DILLENBOURG et al, 2002); and (iv) the flipped classroom (CHRISTENSEN; HORN; STAKER, 2013; BERGMANN; SAMS, 2019), integrating them with mobile learning activities (TRAXLER, 2009; HOCKLY, 2012; PEGRUM, 2014; SHARPLE, 2009). The ethnographic case study (ANDRÉ, 1995) sought to identify the positives and negatives aspects of the integration of active methodologies and mobile technologies to the curriculum of the school subject, as well as to evaluate this integration from the perspective of the teacher and the students. Among the various results achieved within a year of research, the project-based learning stood out, since the projects were mostly positively evaluated by the participants and provided opportunities for the development of multiple literacies (DUDLEY; HOCKLY; PEGRUM, 2016) and the deepening of topics aligned to multilingual teaching (ROCHA, 2015). On the other hand, the use of cell phones as a teaching resource brought as main contributions to learning: automatic feedback in the correction of tasks, listening comprehension exercises following the pace established by the student, and voice recording in the improvement of oral production.

Keywords: teaching English as an additional language; active methodologies; mobile technologies in education; digital literacy; multilingual teaching.

 

Valtenir Soares De Abreu

Título: UMA ANÁLISE CRÍTICA DO ETNOCENTRISMO NA NARRATIVA DO LIVRO EXPLORAÇÃO NA GUIANA BRASILEIRA, DE HAMILTON RICE

Orientador(a):  Doutor William
Soares dos Santos

Páginas: 209

Resumo

Esta pesquisa tem como principal objetivo analisar algumas narrativas presentes no livro Exploração na Guiana Brasileira, de Hamiton Rice (1978), com vistas a compreender o olhar
que esse estrangeiro tinha ao realizar sua viagem exploratória às terras amazônicas. Para tanto, fundamento-me em teorias do campo dos estudos narrativos, bem como em obras e
autores que se debruçaram sobre o tema da Amazônia como construção imagético-discursiva do europeu, branco, que estava interessado, principalmente, em encontrar e explorar riquezas
nesses territórios. Os trechos que escolhi para análise são aqueles que, em meu percurso de leitura, despertaram maior incômodo por trazerem construções discursivas a respeito dos
nativos carregadas de estereótipos e preconceitos, merecendo, portanto, a análise, o questionamento e, de acordo com as teorias que fundamentam meu trabalho, até mesmo a
sua desconstrução, a partir de perspectivas teóricas propostas pela Linguística Aplicada, que se preocupam em compreender as vozes dos colonizados. Não deixo de reconhecer as
importantes contribuições da expedição de Rice para o campo das ciências naturais, mas a prioridade da minha análise é olhar para as suas estratégias narrativas utilizadas em seu livro.
Realizada entre os anos de 1924 e 1925, a viagem de Rice contou com o mais moderno aparato tecnológico disponível naquele momento, o que conduziu a um estrondoso sucesso
e reconhecimento de sua pessoa nos altos círculos acadêmicos, inclusive levando à fundação do Instituto de Exploração Geográfica da Universidade de Harvard. Palco de uma incrível diversidade, dona de uma incomparável riqueza natural, cultural e, portanto, humana, a Amazônia – onde está localizada a região explorada por Rice – tem, historicamente, despertado curiosidades, desejos, intrigas e disputas, pois também apresenta, no imaginário do colonizador – principalmente representado pelos viajantes europeus a partir do século XVI – uma fonte inesgotável de riquezas materiais, como o tão cobiçado ouro. Essa narrativa, sobre a qual empreendo minha análise, é realizada, majoritariamente, a partir de um lugar de poder, representado pelo indivíduo branco, rico, norte-americano, cujas concepções de mundo, de ser humano, de sociedade e de natureza, caminham na direção oposta àquelas encontradas na mentalidade dos povos habitantes da floresta. Nasce, então, nesse encontro, um embate ideológico de importantes proporções, que precisa ser analisado à luz de teorias capazes de descontruir imagens cristalizadas e de discursos elevados à categoria de verdades inquestionáveis. Tal análise, por meio de questionamentos e discussões teóricas, possibilitam outras compreensões de suas escritas. Nesse sentido, faço correlações entre elementos como análise de narrativas, discurso, imagem, identidade e cultura, tendo como aporte principal as concepções de estudiosos como William Labov (1972; 1997; 2013), Stanton Wortham (2001), Márcio Souza (2002), Mikhail Bakhtin (2006), Neide Gondim (2007), além de outros que serão adicionados ao longo do texto, cuja metodologia central é a análise de narrativas no âmbito da Linguística Aplicada.

Palavras-chave: Amazônia. Guiana Brasileira. Relatos de Viagem. Narrativa. Relações de Poder.

Abstract 

The primary objective of this research is to analyze some narratives which are present in the book entitled Exploração na Guiana Brasileira, by Hamiton Rice (1978), in order to
understand the foreigner’s conception about the Amazonian environment when he made his exploratory trip to these lands. To do so, I base myself on theories concerning the field of the
narrative studies, as well as on works and authors that deal with the Amazonian theme as a white European discursive image construction which was mostly interested in finding and
exploring wealth in these territories. The excerpts picked for analysis are those that, in my reading path, aroused substantial inconvenience for bringing discursive constructions
regarding natives enveloped with stereotypes and prejudices, deserving, therefore, the analysis, questioning and, according to the theories on which my thesis is based, even its
deconstruction, from theoretical perspectives proposed by Applied Linguistics, which are concerned with understanding the colonized voices. I do not shy away from recognizing the
important contributions of Rice’s expedition to the field of natural sciences, but my analysis priority is to take a thorough look at the narrative strategies used in his book. Rice’s trip was
carried out between the years 1924 and 1925, featuring the most modern technological apparatus available at that time, which led to a resounding success and recognition of his
persona in high academic circles, so much so that it culminated with the foundation of the Institute for Geographic Exploration of Harvard University. An incredible diversity stage,
owner of an incomparable cultural and natural wealth, and, therefore, human richness, the Amazonia – where is located the region explored by Rice – has historically piqued curiosities,
desires, intrigues and disputes, since it also presents, in the colonizer’s imaginary – notedly represented by European travelers from the 16th century onwards – an unlimited source of
material wealth, such as the most wanted metal, gold. This narrative, on which I make my analysis, is carried out, mostly, from a power place, represented by the white, wealthy, North
American individual, whose world conceptions, human being, society and nature, walk in the opposite direction to those found in the mentality of the forest inhabitants. Then, in this
colliding encounter, an ideological clash of relevant proportions is born, which needs to be analyzed from a scope of theories capable of deconstructing crystallized images and speeches
elevated to the category of unquestionable truths. Such analysis, by means of inquiries and theoretical discussions, allows other comprehensions of his writings. In that regard, I make
correlations among elements such as narrative analysis, discourse, image, identity and culture, having as main contribution the conceptions of scholars such as William Labov (1972;
1997; 2013), Stanton Wortham (2001), Márcio Souza (2002), Mikhail Bakhtin (2006), Neide Gondim (2007), in addition to others that I will invite along the study to be part of the
discussion that I propose here, through a qualitative research, from bibliographic and interpretative nature, carried out in the realm of Applied Linguistics.

Keywords: Amazon. Brazilian Guyana. Travel Reports. Narrative. Power relations.

 

Vítor Vieira Ferreira

Título: A PRIMAZIA DO EU: PILAR DE SUSTENTAÇÃO SIMBÓLICA DO CAPITALISMO NEOLIBERAL EM TEMPOS DE JAIR BOLSONARO

Orientador(a):  Luiz Barros Montez

Páginas: 339

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo mais amplo propor uma análise crítica da atual realidade social, política e cultural no Brasil, em tempos onde se observa a ascensão de uma dita nova
direita brasileira e, em especial, da figura de seu líder carismático de maior relevância e atual chefe de Estado Jair Bolsonaro. A análise se fundamenta em termos mais abstratos no conceito
de primazia do eu, proposto aqui como um exercício intelectual de síntese de uma série de características, circunstâncias históricas, práticas sociais e discursivas que compõem uma
Weltanschauung específica cuja função primeira é de garantir a manutenção e a legitimação do capitalismo em sua atual forma neoliberal, financeira e globalizada. Em termos mais concretos, nossa análise assume como referências centrais o conceito de populismo e a crise de legitimidade da democracia liberal, da qual este primeiro pode ser entendido como um de seus efeitos políticos de maior destaque. A pesquisa assume inicialmente como objeto de análise a ideia da primazia do eu, que, conforme propomos, se eleva ao nível de um conceito relevante para a pesquisa social; para então, por fim, lançar-se à investigação de como esta ideia, a princípio abstrata, se atualiza (no sentido de tornar-se ato) através de itens lexicais específicos que vem sendo utilizados em especial pela nova direita brasileira. Nosso texto realiza cinco grandes movimentos centrais, sendo dedicado a cada um deles um capítulo específico: a) em primeiro lugar, desenvolvemos o conceito de primazia do eu com base em uma “literatura do diagnóstico” sobre a sociedade capitalista contemporânea, contemplando autores de Fromm a Han; b) em segundo lugar, argumentamos que a primazia do eu tem como uma de suas forças motrizes o pensamento neoliberal que se desenvolve e se consolida ao longo da segunda metade do século XX; c) em terceiro lugar, destacamos o papel das novas tecnologias de informação e comunicação (NTIC) na reprodução e legitimação tanto da primazia do eu quanto do pensamento neoliberal; d) em quarto lugar, abordamos o temas da crise da democracia liberal na contemporaneidade e dos fenômenos populistas contemporâneos, ressaltando em que medida as práticas e o pensamento neoliberal, bem como as NTIC contribuem para a composição deste cenário para então, por fim, e) no último movimento realizar uma análise
discursiva que exponha o quão determinados são pela primazia do eu, pelo pensamento neoliberal e pelos discursos populistas contemporâneos alguns dos principais itens lexicais
presentes na retórica da nova direita brasileira.

Palavras-chave: primazia do eu, neoliberalismo, novas tecnologias da informação e da comunicação, populismo, política brasileira contemporânea.

Abstract 

The present thesis aims to provide a critical analysis of today’s Brazilian social, politic, and cultural reality, in times when can be observed a rise of Brazil’s ‘new right-wing’, which has
in the figure of the President in charge Jair Bolsonaro its most remarkable charismatic leader. To support our analysis, we will start, in abstract terms, from the concept of primacy of the self,
understood here as a synthesis of characteristics, historical conditions, social and discursive practices which compose a specific worldview that has the main role to guarantee the
maintenance of global, financial, and neoliberal capitalism. In more concrete terms, the concept of populism and the crisis of liberal democracy, considering the former as one of most striking political effects of the latter, are points of departure for our analysis. The primacy of the self is chosen as our first object of analysis, which we argue to be a useful concept for sociological and cultural analysis, and the we proceed to describe how the primacy of the self, initially an abstract idea, assumes the form of lexical items that are used predominantly by Brazilian right- wing supporters. This thesis is composed of five main chapters, being the first one an introduction. In the second chapter we present a conceptual framework of primacy of the self, discussing several characteristics of modern capitalist society pointed by authors from Erich Fromm to Byung-Chul Han. In the third chapter we argue that the primacy of the self has in the neoliberal thought, which has developed itself in the late 20th century, one of its origins. In the fourth chapter we emphasize the role of the information communication technologies (ICTs) in the reproduction and legitimation of the primacy of the self as well of the neoliberal thought. The fifth chapter addresses the topics of the crisis of liberal democracy and contemporary populism. By considering these themes, we also seek to show the neoliberal thought and the ICTs relate to them. In the sixth chapter we provide a discursive analysis in order to demonstrate how several lexical items that are commonly used by Brazil’s ‘new right-wing’ supporters can be understood as linguistic expressions of a neoliberal and populist worldview.

Keywords: primacy of the self, neoliberalism, ICT, populism, contemporary Brazilian politics.

 

COORDENAÇÃO

Coordenador:
Prof. Dr. Rodrigo Borba
Vice-Coordenadora:
Prof(a).  Dr(a). Branca Falabella Fabrício
Secretária:
Solange Tristão

ATENDIMENTO

segunda à sexta:
09h às 17h

Telefone:
21 3938-9701

E-mail:
laplicada.interdisciplinar@letras.ufrj.br

ENDEREÇO

Programa de Interdisciplinar de Linguística Aplicada  (PIPGLA)
Av. Horácio de Macedo, 2151. Sala F-317
Cidade Universitária — Faculdade de Letras da UFRJ.
CEP 21941-917.
Rio de Janeiro — RJ
LogoOuvidoria2 3 - Teses de 2021 até 2024
UFRJmarca 100 portal V3 - Teses de 2021 até 2024
logo letras horizontal 50 anos v3 - Teses de 2021 até 2024